Esportes

Com gol contra de Zé Ivaldo, Athletico perde para o Fluminense por 1 a 0

Furacão até faz um bom primeiro tempo, mas acaba sofrendo gol em falha defensiva, e sofre revés para o Tricolor das Laranjeiras, que volta a vencer após três partidas

Guilherme
Guilherme Almeida
Com gol contra de Zé Ivaldo, Athletico perde para o Fluminense por 1 a 0
Athletico foi superado pelo Fluminense e voltou a perder em casa na Série A (Foto: Rui Santos/Futpresspr)

17 de outubro de 2021 - 17:55 - Atualizado em 17 de outubro de 2021 - 17:55

Na tarde deste domingo (17), Athletico e Fluminense se enfrentaram, na Arena da Baixada, pela 27ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro.

O Furacão fez um bom primeiro tempo. Teve chances, e chegou a ser superior em grande parte do tempo. No entanto, uma falha defensiva custou o segundo revés athleticano seguido na Arena da Baixada, que recebeu público pela segunda vez desde que o retorno dos torcedores aos estádios foi liberado em Curitiba. Após saída errada de Santos, Zé Ivaldo marcou contra, aos 33 minutos do primeiro tempo, para definir à vitória do Tricolor das Laranjeiras, que volta a triunfar após partidas sem vitórias.

Com o resultado, as equipes trocam de posição na tabela. O Fluminense agora é o oitava colocado, com 36 pontos. Já o Athletico, cai para nono, ainda com 34.

Na próxima rodada, a 28ª da competição, o Athletico vai até à Arena Castelão, enfrentar o Fortaleza, no próximo sábado (23), às 19h15. No mesmo dia, mas às 19h, o Fluminense terá o clássico contra o Flamengo, no Maracanã.

ATHLETICO 0 X 1 FLUMINENSE

Contando com o apoio do seu torcedor pelo segundo jogo seguido, o Athletico começou a partida pressionando o Fluminense e disposto e fazer valer o fator casa. Aos três minutos, Guilherme Bissoli recebeu passe de Richard e saiu em velocidade, finalizando com força e obrigando Marcos Felipe a fazer boa defesa.

O Furacão foi melhor na primeira etapa. Marcando sob pressão e tendo mais posse de bola, a equipe não deixava o Tricolor das Laranjeiras jogar. O Athletico, porém, não conseguia transformar essa superioridade em chances reais de gol. Christian e Guilherme Bissoli abusavam dos chutes de longa distância, que não levavam perigo para Marcos Felipe.

O Fluminense, por sua vez, não conseguia chegar na área athleticana. O goleiro Santos era um mero espectador na partida. O arqueiro foi aparecer na partida pela primeira vez aos 29 minutos, após chute André finalizar de fora da área, naquela que foi a primeira chegada efetiva dos cariocas.

O Tricolor das Laranjeiras passou a gostar do jogo, e logo na sequência, abriu o placar. Aos 33 minutos, Samuel Xavier cruzou da direita, Santos saiu mal gol e a bola bateu na nuca de Zé Ivaldo, que tentou afastar, mas acabou marcando contra.

(Créditos: Goleada Info/g.e.globo)

O Athletico respondeu aos 37 minutos. Pedro Rocha aproveitou a sobra de bola, dentro da área, e finalizou. Marcos Felipe fechou o ângulo e fez uma defesa espetacular, salvando o empate e garantindo a vantagem parcial.

O panorama do segundo tempo foi totalmente diferente da primeira etapa. As equipes não conseguiam manter a mesma intensidade de antes, e abusavam dos lançamentos de longa distância e dos passes errados. Finalizações efetivas? Nenhuma. Tanto Athletico quanto Fluminense demoraram para criar oportunidades de gol.

A primeira grande chance foi acontecer apenas aos 22 minutos. André recebeu passe e finalizou da entrada da área, obrigando Santos a fazer grande intervenção.

No entanto, o jogo seguiu arrastado. Os dois treinadores promoveram alterações tentando mudar o panorama da partida, mas ele seguiu inalterado. O Tricolor das Laranjeiras soube controlar bem as ações e o ímpeto do Athletico, garantindo três pontos importantes na tabela e a reabilitação, após três jogos sem vitórias.

Ficha Técnica

Campeonato Brasileiro – Série A
27ª rodada

Athletico: Santos, Lucas Fasson, Nicolás Hernández (Jaderson 2ºT/17″) e Zé Ivaldo; Khellven, Richard (Márcio Azevedo 2ºT/00″), Christian e Pedrinho (Erick 2ºT/25″); Carlos Eduardo (Jader 2ºT/35″), Pedro Rocha e Guilherme Bissoli (Vinícius Mingotti 2ºT/25″)
Técnico: Alberto Valentim
Gols: 
Cartões amarelos: Lucas Fasson (1ºT/41″); Nicolás Hernández 2ºT/09″)

Fluminense: Marcos Felipe; Samuel Xavier, Nino (Manoel 2ºT/28″), David Braz e Marlon; André, Yago Felipe (Lucca 2ºT/33′) e Arias (Martinelli 2ºT/22″); Caio Paulista, Luiz Henrique (Lucca 2ºT/28″) e John Kennedy (Abel Hernández 2]T/33″).
Técnico: Marcão
Gols: Zé Ivaldo (contra, 1ºT/33″)
Cartões amarelos: Arias (1ºT/45″)

Local: Arena da Baixada, em Curitiba (PR)
Data: 17/10/2021
Horário:
 16h
Árbitro: Felipe Fernandes de Lima (MG)
Assistentes: Guilherme Dias Camilo (MG) e Ricardo Junio de Souza (MG)
Árbitro de vídeo: Igor Junio Benevenuto (MG)