Campeonatos

Com França e Itália fora, Euro Sub-21 tem semifinalistas confirmados

Gazeta
Gazeta Esportiva

31 de maio de 2021 - 19:29 - Atualizado em 31 de maio de 2021 - 20:01

Nesta segunda-feira, a Eurocopa Sub-21 confirmou as quatro seleções semifinalistas e aspirantes ao título. O destaque das quartas de final ficou para a eliminação da França, uma das favoritas ao título, além de Portugal que despachou a Itália.

Além dos lusitanos, a Espanha, Países Baixos e Alemanha completam a reta final do torneio europeu.

Nesta quinta-feira, às 13h, Portugal e Espanha se enfrentam pela primeira semifinal. O clássico acontece em Maribor, na Eslovênia. Mais tarde, às 16h, Alemanha e Países Baixos definem o último finalista do torneio, em Sólstói, na Hungria.

Espanha 2 x 1 Croácia

Não faltou emoção nos duelos das quartas de final. A começar pela tetracampeã Espanha, que venceu a Croácia por 2 a 1 na prorrogação. Javi Puado anotou o primeiro tento e Ivanusec deixou tudo igual no último minuto do tempo regulamentar.

Nos trinta minutos extras, Javi Puado balançou a rede mais uma vez e cravou a Espanha como a primeira semifinalista.

Países Baixos 2 x 1 França

A poderosa seleção francesa encarou os Países Baixos e levou a virada por 2 a 1. Após Upamecano abrir o marcador para os Bleus, Boadu chamou a responsabilidade e anotou os dois tentos neerlandeses – com o gol da vitória no último minuto de jogo.

Portugal 5 x 3 Itália

Mais tarde foi a vez da promissora seleção portuguesa entrar em campo e sofrer diante da tradicional Itália. Após Portugal construir o placar de 3 a 2, a Azzurra buscou o empate aos 43 minutos da segunda etapa e forçou a prorrogação.

Porém, no tempo extra, Lovato recebeu vermelho e desfalcou os italianos. Dessa forma, Portugal matou o duelo com João Filipe e Chico Conceição.

Dinamarca (5) 2 x 2 (6) Alemanha

Outro gigante que encontrou dificuldades foi a Alemanha, que empatou com a Dinamarca por 1 a 1 no tempo normal – com gols de Faghir e Nmecha. Na prorrogação, as duas equipes voltaram a balançar a rede, mas seguiram empatadas, por 2 a 2 – tentos de Nelsson e Burkardt.

Dessa forma, a classificação fio decidida nos pênaltis. Após sair atrás com Burkardt desperdiçando a cobrança, a Alemanha virou na bola parada e com o goleiro Dahmen garantindo duas defesas.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.