Campeonato Copa América

Peru elimina o Paraguai nos pênaltis e enfrenta o Brasil semifinal da Copa América

Gazeta
Gazeta Esportiva

2 de julho de 2021 - 20:14 - Atualizado em 2 de julho de 2021 - 23:30

Abrindo as quartas de final da Copa América, nesta sexta-feira, Peru e Paraguai protagonizaram um verdadeiro espetáculo. Com expulsões, virada e seis gols, as equipes empataram por 3 a 3 em Goiânia, no Olímpico. Na decisão por pênaltis, o Peru levou a melhor e venceu por 4 a 3.

Com a vitória, o Peru é o primeiro classificado às semifinais da Copa América e tem o Brasil como próximo adversário. A Seleção comandada por Tite eliminou o Chile nas quartas, por 1 a 0.

A pressão começou do lado peruano, que ficou atrás e viu a seleção paraguaia subir a marcação. O resultado veio com 11 minutos de bola rolando. Na cobrança de escanteio, Gallese fez grande defesa e viu logo em seguida Gustavo Gómez pegar a sobra para abrir o placar.

A reação peruana não demorou e a virada veio com Lapadula. Aos 20 minutos, Carillo fez grande jogada individual para servir o centroavante e deixar o marcador igualado. Já aos 40 minutos, foi a vez de Tapia assistir Lapadula para a virada.

Na reta final do primeiro tempo, Gustavo Gómez foi de herói a vilão – recebeu o segundo amarelo e foi expulso de campo.

Mesmo com um jogador a menos, o Paraguai iniciou o segundo tempo se lançando ao ataque. Na raça, Júnior Alonso aproveitou a sobra no escanteio e deixou tudo igual mais uma vez em Goiânia.

O Peru teve dificuldades para fazer valer a vantagem numérica em campo. Mesmo ocupando o setor ofensivo, a equipe conseguiu ser efetiva somente aos 35 minutos – quando Yotún chutou de longe e contou com o desvio para o terceiro tento.

Antes do apito final, Carillo recebeu o segundo amarelo e foi para o vestiário mais cedo. A expulsão peruana aumentou o ímpeto paraguaio, e foi na base do desespero que Ávalos empatou mais uma vez a partida e levou a decisão para os pênaltis.

Nas cinco primeiras cobranças de cada, as equipes repetiram o placar de 3 a 3 e avançaram para as alternadas. Espínola então parou em Gallese e coube a Trauco converter a última cobrança e confirmar o Peru nas semifinais.