Esportes

Com dois gols de Marinho, Santos vence Grêmio e entra no G6 do Brasileiro

Gazeta
Gazeta Esportiva

11 de outubro de 2020 - 17:58 - Atualizado em 11 de outubro de 2020 - 18:45

Neste domingo, o Santos recebeu o Grêmio na Vila Belmiro, pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro, e saiu com a vitória pelo placar de 2 a 1. Com dois gols marcados por Marinho, o Peixe conquistou os três pontos e chegou ao 12º jogo consecutivo sem derrota. Diego Souza fez para os visitantes.

Com o resultado, a equipe comandada pelo técnico Cuca chega a 24 pontos conquistados e sobe para a sexta colocação, entrando na zona de classificação para a próxima edição da Copa Libertadores. O Tricolor Gaúcho, por sua vez, estaciona nos 17 pontos e aguarda os outros resultados para saber qual posição vai ocupar ao final da rodada.

Pela próxima rodada, ambas as equipes entram em campo na quarta-feira (14). Às 19h15 (de Brasília), o Grêmio recebe o Botafogo na Arena, em Porto Alegre. Um pouco mais tarde, às 20h30, o Santos encara o Atlético-GO, novamente na Vila Belmiro.

O jogo

O Santos criou a primeira boa chance da partida logo aos dois minutos. quando Arthur Gomes cabeceou por cima do gol após cruzamento na medida de Pará. Aos 13, o Peixe chegou bem mais uma vez. Kaio Jorge dominou na entrada da área depois de desvio da defesa, ajeitou e bateu com força para boa defesa de Vanderlei.

E aos 17 minutos, os donos da casa não perdoaram. Kaio Jorge recebeu em profundidade pelo lado direito, tentou fazer o cruzamento e viu a bola bater no braço de Paulo Miranda. O árbitro Braulio da Silva Machado viu a infração e marcou a penalidade máxima, cobrada e convertida pelo atacante Marinho.

O Grêmio quase deixou tudo igual aos 31 minutos. Robinho bateu escanteio fechado, Diego Souza subiu sozinho e, de cabeça, mandou raspando no pé da trave. Pouco depois, o Santos respondeu com Jean Mota, que chutou colocado após passe de Kaio Jorge e acertou o poste.

Diego Pituca, em bela finalização de letra para completar cruzamento de Marinho, e Lucas Silva, em chute forte da entrada da área, ainda criaram boas chances para suas equipes. Contudo, o placar de 1 a 0 persistiu até a saída para o intervalo.

O Alvinegro Praiano quase ampliou a vantagem aos cinco minutos do segundo tempo. Arthur Gomes arrancou em velocidade e soltou para Jean Mota, que fez o cruzamento rasteiro, para trás, e achou Marinho. Na marca do pênalti, o camisa 11 bateu de primeira e acertou o travessão.

No entanto, foi o Tricolor Gaúcho que marcou o segundo gol do jogo. Aos 27 minutos, Diogo Barbosa fez boa jogada e encontrou Isaque, que rolou para Pepê. O atacante tocou na entrada da área para a chegada de Diego Souza, que chegou batendo firme, de primeira, e acertou o canto esquerdo de João Paulo, sem chances para o goleiro alvinegro.

Cinco minutos depois, porém, o árbitro viu, com o auxílio do VAR, uma falta de David Braz em Marinho dentro da área e assinalou outro pênalti para o Santos. O artilheiro do Peixe foi para a cobrança, deslocou Vanderlei e recolocou os donos da casa na frente.

O arqueiro gremista ainda salvou os visitantes em duas oportunidades, ao defender finalização de Madson após cruzamento rasteiro de Marinho e cabeceio de Lucas Veríssimo em cobrança de escanteio do camisa 11. Nos acréscimos, foi a vez de João Paulo evitar o gol adversário em belo chute de Maicon e garantiu a vitória santista.

FICHA TÉCNICA

SANTOS 2 X 1 GRÊMIO

Local: Vila Belmiro, em Santos (SP)

Data: 11 de outubro de 2020 (domingo)

Horário: 16h (de Brasília)

Árbitro: Braulio da Silva Machado (SC)

Assistentes: Kleber Gil e Éder Alexandre (SC)

VAR: Wagner Reway (PB)

Cartões amarelos: Jobson, Marinho (Santos); Robinho, David Braz, Rodrigues (Grêmio)

Cartão vermelho: David Braz (Grêmio)

Gols: Marinho, aos 19 minutos do primeiro tempo e aos 33 minutos do segundo tempo (Santos); Diego Souza, aos 27 minutos do segundo tempo (Grêmio)

SANTOS: João Paulo; Pará, Lucas Veríssimo, Luan Peres e Felipe Jonatan (Laércio); Diego Pituca, Jobson e Jean Mota (Madson); Marinho, Arthur Gomes e Kaio Jorge (Lucas Lourenço).

Técnico: Cuca

GRÊMIO: Vanderlei; Orejuela, Paulo Miranda (Rodrigues), David Braz e Bruno Cortez (Diogo Barbosa); Lucas Silva (Maicon), Thaciano e Robinho (Isaque); Luiz Fernando, Pepê e Diego Souza (Everton).

Técnico: Renato Gaúcho