Esportes

Com 100% na Libertadores, Luxa evita favoritismo e diz que Palmeiras precisa melhorar

Gazeta
Gazeta Esportiva

17 de setembro de 2020 - 09:00 - Atualizado em 17 de setembro de 2020 - 09:15

O Palmeiras manteve os 100% de aproveitamento na Copa Libertadores ao ganhar do Bolívar na noite de quarta-feira, pela terceira rodada. No Estádio Hernando Siles, o técnico Vanderlei Luxemburgo tratou de evitar o status de favorito e reiterou que seu time precisa evoluir.

“Primeiro, temos que classificar. Ganhamos três jogos, fizemos nove pontos e somos os líderes da nossa chave, mas temos que classificar e, depois, vem o mata-mata. Falta muita coisa para acontecer. Somos uma das equipes que vai querer brigar pelo título, mas tem outras grandes equipes que também vão brigar”, disse Luxa, convicto.

“É muito precoce falar que o Palmeiras é favorito. Nosso elenco é versátil e com muitos jovens que estamos botando no time de cima. Então, acho que estamos no caminho certo, mas ainda tem uma distância a ser percorrida”, acrescentou o experiente treinador.

Nas primeiras duas rodadas da Copa Libertadores, disputadas antes da pandemia de covid-19, o Palmeiras bateu o Tigre (2 x 0) como visitante e superou o Guaraní (3 x 1) no Allianz Parque. Às 21h30 (de Brasília) da próxima quarta-feira, o rival é o time paraguaio, no Estádio Defensores Del Chaco.

“Para ganhar campeonato, precisa melhorar a cada partida. Não adianta achar que vai vencer o próximo jogo pelo que jogou hoje. Precisa melhorar. O Guaraní é um time muito forte, que marca muito forte. Vamos ter que mudar de estratégia. Em São Paulo, vencemos, mas encontramos dificuldades”, lembrou Luxa.

Antes de pensar na Copa Libertadores, porém, o Palmeiras volta suas atenções ao Campeonato Brasileiro. Às 16 horas (de Brasília) deste domingo, pela 11ª rodada, o time alviverde volta a campo para encarar o Grêmio, em Porto Alegre, possivelmente com o retorno de Felipe Melo.