Botafogo

Chamusca diz que trabalho no Botafogo é positivo: “Temos sempre o domínio dos jogos”

Gazeta
Gazeta Esportiva

8 de julho de 2021 - 18:12 - Atualizado em 8 de julho de 2021 - 18:30

Após conquistar uma vitória e um empate, o Botafogo voltou a perder na Série B na noite de terça-feira. O Alvinegro não consegue embalar na competição nacional e o sonho do acesso vai ficando distante.

A equipe de Marcelo Chamusca visitou o CRB-AL, em Maceió, e até fez um bom início de jogo. Com marcação forte na saída de bola do adversário e boa intensidade, abriu o placar aos 29 do primeiro tempo, com Rafael Navarro.

Mais uma vez a equipe não conseguiu segurar o resultado e foi surpreendida com o empate do CRB com menos de um minuto de bola rolando no segundo tempo. Em falha defensiva na cobrança de escanteio, o time alagoano virou aos 30 minutos e dormiu no G4 da tabela de classificação.

Esta foi a terceira derrota do Botafogo em nove jogos. Todas aconteceram nas últimas cinco rodadas. Apesar disso, Chamusca avalia como positivo o seu trabalho à frente da equipe alvinegra.

“O trabalho do treinador passa por performance, e acho que meu trabalho está sendo positivo. Estamos tendo sempre o domínio dos jogos, finalizamos em boa parte mais do que o adversário, o goleiro do adversário sempre trabalha mais do que o nosso goleiro. O que não conseguimos é transformar esses números no resultado final do jogo”, disse o Chamusca.

“O treinador tem algum controle, quando estabelece um plano. Os jogadores seguiram o plano que montamos hoje, só que esse êxito é entre aspas, porque o resultado final não tivemos”, completou.

Chamusca insiste em pontuar que o Botafogo controla as partidas e que esse é o caminho para as vitórias.

“Precisamos transformar esse controle de jogo, essa imposição no campo do adversário, o que tem ocorrido em todos os jogos, no resultado efetivo do jogo. Se empatasse hoje, já seria ruim. Perder foi péssimo. Quando você controla, você está mais próximo de vencer”, afirmou.

Com 44,4% de aproveitamento, o Botafogo vai se distanciando do G4. No momento, a diferença está em cinco pontos, mas ela ainda pode aumentar para sete dependendo dos resultados da rodada.

O Alvinegro tem duas partidas complicadas pela frente nas próximas rodadas, mas ao menos terá um tempo maior para treinar. No sábado, recebe o Cruzeiro no Nilton Santos. Na sequência, uma semana livre até o duelo com o Brusque-SC, fora de casa.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.