Esportes

CEO do Brugge confirma negociação avançada com o Santos por Luan Peres

Gazeta
Gazeta Esportiva

29 de dezembro de 2020 - 15:59 - Atualizado em 29 de dezembro de 2020 - 16:15

O Santos está bem perto de garantir a permanência de Luan Peres para as semifinais da Libertadores da América. O contrato de empréstimo do Brugge (BEL), válido até a próxima quinta-feira, deve ser prorrogado por pelo menos mais um mês.

Roel Vaeyens, CEO do Brugge, confirmou a informação da reportagem sobre o avanço na negociação. As tratativas invadiram a última madrugada. O contrato encaminhado pela gestão de Andrés Rueda está nas mãos do presidente Orlando Rollo. A nova diretoria assume em janeiro. 

“Estamos na parte final das conversas”, resumiu o diretor, em contato exclusivo com a Gazeta Esportiva.

O Peixe deve contar com o zagueiro nas semifinais contra o Boca Juniors (ARG) e ganha tempo para tentar a compra dos direitos econômicos. A prioridade era tê-lo na decisão.

O valor de compra fixado é de 5 milhões de euros (R$ 31,3 mi), mas o Brugge aceitaria receber menos para a venda – cerca de 3 milhões de euros (R$ 19 mi). A quantia ainda é alta, porém, faz o Alvinegro cogitar a aquisição. Há duas opções: parcelar os quase R$ 20 milhões ou adquirir parte dos direitos econômicos e diminuir o montante.

A negociação com o Brugge é ainda mais complicada em função do ex-presidente José Carlos Peres. O Santos demorou um ano para pagar 250 mil euros (R$ 1,5 mi), verba combinada para uma temporada e meia de empréstimo. O caso foi parar na Fifa. O empresário de Luan Peres também não recebeu sua comissão. Por isso, garantias bancárias são exigidas.

Luan tem 26 anos, é titular absoluto do Santos e faz força para permanecer. O Peixe enfrentará o Boca nos dias 6 e 13 de janeiro.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.