Esportes

Ceni diz estar orgulhoso com o Fortaleza e revela que se imaginou no gol durante os pênaltis

Gazeta
Gazeta Esportiva

26 de outubro de 2020 - 00:05 - Atualizado em 26 de outubro de 2020 - 00:30

Neste domingo, o Fortaleza mostrou raça e qualidade técnica para buscar um empate com o São Paulo no tempo normal e forçar uma disputa de pênaltis. Apesar de ter sido eliminado, Rogério Ceni não esconde o orgulho que sente com o desempenho dos seus comandados.

Após a partida, o treinador comentou sobre as emoções vividas nesta semana, já que o Leão caiu na Copa do Brasil dias após ter conquistado o Campeonato Cearense. Apesar da eliminação, Ceni não poupou elogios aos jogadores.

“O sentimento é o mesmo, de orgulho. Tanto pelo título quanto pelo o que fizemos hoje. É claro que nós ficamos chateados, porque tivemos sempre o pênalti à frente e não conseguimos fazer com que o São Paulo perdesse uma penalidade. Talvez pudéssemos ter usado um pouco mais de informação, mas não tem muito o que falar. É um orgulho de felicidade na quarta-feira pelo título e hoje é um orgulho do time, com o sentimento amargo de ter sido eliminado por um time que a gente sabe que é um grande do futebol brasileiro, mas jogamos de igual para igual nas duas partidas”, afirmou o técnico.

Ceni também revelou que se imaginou defendendo a meta do Fortaleza durante as penalidades no Morumbi.

“Eu ganhei muitas vezes ali e lógico que você ainda tem o feeling de goleiro, como o jogador se posiciona para a bola e como ele pode bater, mas isso é muito particular. Eu queria mesmo era a vitória, a única coisa que queria era ter saído vencedor no dia de hoje”, finalizou.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.