Corinthians

Cazares e Otero querem cinco anos de contrato com o Corinthians

Gazeta
Gazeta Esportiva

31 de dezembro de 2020 - 05:00 - Atualizado em 1 de janeiro de 2021 - 00:00

O Corinthians vai começar a negociar as renovações contratuais de Cazares e Otero em janeiro.

A Gazeta Esportiva apurou que há uma reunião marcada para o primeiro mês de 2021 entre Duílio Monteiro Alves e André Cury, empresário que representa os dois atletas.

Duílio tomará posse da presidência do clube no dia 4.

A princípio, a intenção de Cazares e Otero é firmar um novo contrato com validade de cinco anos, ou seja, até julho de 2026.

A diretoria alvinegra deve apresentar uma contraproposta e tudo também dependerá de acertos salarias e do pagamento de luvas.

A dupla de estrangeiros aceitou reduzir os ganhos mensais ao se transferir do Atlético-MG para o Corinthians. O combinado, desde o início, era que estes temas seriam debatidos e reavaliados no momento da renovação.

Cazares chegou ao Corinthians no fim de setembro com vínculo até o fim de junho de 2021.

A situação de Otero é diferente. Ele está emprestado ao Timão até a mesma data.

Ambos ficarão livres para negociar seus futuros com qualquer outra equipe, caso não haja acordo com o clube do Parque São Jorge.

O Corinthians tem a prioridade diante do mercado. Isso quer dizer que se chegar uma proposta melhor para os jogadores, a diretoria corintiana ainda terá a chance de, no mínimo, igualar a oferta para garantir a permanência deles.

Além da prioridade prevista nos documentos, o Timão também tem a preferência pessoal tanto do equatoriano quanto do venezuelano.

Por isso, apesar de toda cautela que circunda uma negociação, o clima é de otimismo, já que todas as partes têm a intenção declarada de chegar ao mesmo consenso.

Cazares e Otero se dizem felizes no Corinthians e avisaram que querem ficar. O clube também não espera perdê-los tão cedo.

A partir de janeiro, quando as conversas começarão, tudo isso será colocado à prova.

Com a camisa do Corinthians, Cazares atuou em 15 jogos, marcou um gol e distribuiu quatro assistências.

Otero fez 17 partidas, foi duas vezes às redes e deu um passe para gol.

Os dois são titulares do time de Vagner Mancini.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.