Esportes

Cavani é suspenso por três jogos após utilizar termo racista em rede social

Gazeta
Gazeta Esportiva

31 de dezembro de 2020 - 15:38 - Atualizado em 31 de dezembro de 2020 - 15:45

A Associação de Futebol da Inglaterra anunciou nesta quinta-feira que o atacante Edinson Cavani, do Manchester United, está suspenso por três jogos por má conduta. Além disso, o atleta terá que pagar uma multa de 100 mil libras (cerca de R$ 710 mil).

Após a vitória por 2 a 1 sobre o Southampton, no final de novembro, o uruguaio utilizou um termo racista em suas redes sociais. Ele agradeceu um seguidor usando a expressão “Obrigado, negrito”.

Logo em seguida, Cavani deletou a postagem, mas o caso seguiu sendo investigado. Segundo a entidade inglesa, que aplicou a pena máxima prevista no artigo, o centroavante fez um comentário “insultuoso e/ou abusivo e/ou impróprio e/ou trouxe descrédito ao jogo”.

Com isso, o atacante ficará de fora dos confrontos diante de Aston Villa, pelo Campeonato Inglês, Manchester City, pela semifinal da Copa da Liga, e Watford, pela terceira rodada da Copa FA.

Em nota, o Manchester United reiterou que Cavani “não sabia que suas palavras poderiam ser mal interpretadas”.

“Apesar de sua crença sincera de que estava simplesmente enviando um afetuoso agradecimento em resposta a uma mensagem de parabéns de um amigo próximo, ele optou por não contestar a acusação, por respeito e solidariedade à FA e à luta contra o racismo no futebol”, escreveu o time.

Por fim, a direção dos Red Devils, pediu para que a Comissão Reguladora independente deixe claro por escrito que Edinson Cavani “não é racista, nem havia qualquer intenção racista em relação ao seu cargo”.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.