Corinthians

Cantillo tem sequência como titular e se destaca em nova função no Corinthians

Gazeta
Gazeta Esportiva

14 de junho de 2021 - 07:00 - Atualizado em 14 de junho de 2021 - 07:15

Um dos grande destaques do Corinthians no empate em 1 a 1 com o Palmeiras, no último sábado, foi o volante Victor Cantillo. O colombiano foi titular pela terceira vez consecutiva e tem somado boas atuações em uma nova função.

Por sua qualidade em passes e lançamentos, Cantillo era utilizado como segundo homem no meio-campo alvinegro sob o comando de Tiago Nunes e Vagner Mancini. Entre o primeiro volante e o meia mais avançado, o camisa 24 apresentava dificuldade para pressionar a saída de bola adversária e foi muitas vezes facilmente superado em contra-ataques.

Com Sylvinho, no entanto, o colombiano se tornou o primeiro volante da equipe, enquanto Gabriel e Roni passaram a se posicionar mais avançados. Na nova função, Cantillo evoluiu defensivamente, precisando subir menos para pressionar, e tem sido mais eficiente no momento ofensivo, não recuando tanto para buscar a bola e olhando “de frente” no momento da construção das jogadas.

Alguns números exemplificam como o jogador tem se destacado nos últimos jogos. Diante do Palmeiras, o volante foi o líder do Timão em passes certos, viradas de jogo e interceptações, com 59, três e duas, respectivamente. O colombiano ainda acertou três lançamentos, ficando atrás apenas de Cássio, com quatro. Os números são do Footstats.

No Campeonato Brasileiro, Cantillo é o atleta do Corinthians com mais passes certos (126), interceptações (três) e viradas de jogo (quatro). O camisa 24 disputou os três jogos da equipe na competição, ficando em campo por pelo menos 73 minutos em todos.

Após a única vitória alvinegra sob seu comando, contra o América-MG, o técnico Sylvinho exaltou o jogador e explicou a razão pela qual optou por colocá-lo como primeiro volante.

“Temos o Cantillo por trás, que é um atleta fabuloso para essa entrega de bola, para ter esse giro. Quando digo que o Gustavo (Mosquito) fez um bom jogo, teve o um contra um pelo lado do campo, isso ocorreu pelas inversões de jogo do Cantilo. Ele é quase um meia por trás. Quando você não tem um meia pela frente, usa um primeiro volante, de qualidade incrível, que nos deu muita saída e inversões de jogo e facilitou”, afirmou

“Na fase de construção, essa inversão de boa, no pé, adianta a fase de construção para passar no pé de meias onde são mais abertos, não temos meias que joguem por trás do atacante, é mais difícil, toda essa construção de time que buscamos fazer, essa é uma construção de time que busca fazer e o Cantillo fez um bom jogo e protegido pelo Roni e Gabriel”, concluiu.

Cantillo disputou 13 partidas pelo Corinthians na atual temporada, saindo do banco em cinco ocasiões. Esta é a segunda vez que o colombiano emplaca uma sequência de três jogos como titular no período.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.