Corinthians

Cafú é colocado em lista de dispensa no Corinthians; falta de oportunidades gera estranheza

Gazeta
Gazeta Esportiva

24 de fevereiro de 2021 - 07:00 - Atualizado em 24 de fevereiro de 2021 - 07:15

A diretoria do Corinthians já foi comunicada por Vagner Mancini de que pode procurar um novo clube para Jonathan Cafú.

Dentro da reformulação que será feita no elenco alvinegro, o atacante é um dos jogadores que estão fora dos planos para a temporada 2021.

Apesar da decisão não surpreender, a Gazeta Esportiva apurou que a situação de Cafú é vista com estranheza por pessoas que fazem parte da rotina do clube, no CT Joaquim Grava.

Há um entendimento de que o atleta poderia, ou até mesmo deveria, ter recebido mais oportunidades. Quem pensa assim argumenta que Cafú tem participado bem dos treinamentos e seria uma alternativa, principalmente, pelo fato daqueles que estão tendo sequência no setor de ataque não estarem correspondendo.

Jonathan Cafú foi contratado em novembro. Após isso, o Corinthians fez 19 jogos. O atacante participou de três deles e foi relacionado para apenas quatro partidas.

Logo que chegou ao Timão, Cafú foi colocado em campo contra o Atlético-MG. Ele vinha de um período de três meses de inatividade e não estava em condição física ideal para jogar. À época, Vagner Mancini explicou o caso em entrevista coletiva na Neo Química Arena.

“Eu tive uma conversa com Cafú e falei para ele e para o Jemerson que iríamos esperar os dois, porque ambos não jogam há bastante tempo. Quando tivemos essas perdas (desfalques de Cazares, Otero, Vital, Jô e GP), o próprio Cafú chegou para mim e disse: ‘estou vendo a sua dificuldade’. E acabamos acelerando o processo dele, que não está no ponto de estrear. Mas é um atleta que fez questão de estar junto, porque viu a necessidade”.

Os treinamentos e todo o trabalho feito para o jogador de 29 anos poder ajudar o time, porém, não foram suficientes. Mancini preteriu Cafú até mesmo do banco de reservas na maioria dos jogos. Sempre que questionado, o treinador argumentou que se trata de uma opção técnica, particular.

O Corinthians tem contrato com Jonathan Cafú até o fim de 2023 e detém 70% dos direitos econômicos do jogador. Agora, diante da dificuldade de se conseguir uma venda nestas circunstância, o que a cúpula alvinegra terá de fazer é buscar algum clube interessado em ficar com o atleta por empréstimo.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.