Benfica

Bruno Lage pede demissão do Benfica após derrota no Campeonato Português

Gazeta
Gazeta Esportiva

30 de junho de 2020 - 08:43 - Atualizado em 30 de junho de 2020 - 08:43

Bruno Lage não é mais o técnico do Benfica. Ele colocou o cargo à disposição depois da derrota da equipe nesta segunda-feira para o Marítimo, por 2 a 0, pela 29ª rodada do Campeonato Português.

O pedido foi oficializado pelo presidente do clube, Luis Filipe Vieira, em coletiva de imprensa após o jogo, que complicou as chances de título das Águias, já que o Porto agora tem seis pontos de vantagem na liderança.

Antes da suspensão da competição pelo coronavírus, a distância era somente de dois pontos. Nas últimas cinco partidas, o time venceu apenas uma, perdeu duas e empatou outras duas.

O Benfica já estava de olho no mercado de treinadores antes mesmo da saída de Lage. Nesta semana, foi noticiado o interessa da equipe no argentino Mauricio Pochettino, ex-comandante do Tottenham, da Inglaterra.

Outro a ser sondado foi Jorge Jesus, técnico do Flamengo. Ele teria até recebido uma proposta dos lusitanos, mas acabou recusando.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.