Bragantino

Bragantino respira contra o Goiás e empurra o Vasco para a zona de rebaixamento

Gazeta
Gazeta Esportiva

24 de outubro de 2020 - 18:56 - Atualizado em 24 de outubro de 2020 - 19:30

O Red Bull Bragantino respirou na luta para evitar o rebaixamento no Campeonato Brasileiro durante a tarde deste sábado. No Estádio Nabi Abi Chedid, o time mandante afundou o Goiás ao vencer por 2 a 0, resultado que empurra o Vasco à zona de rebaixamento à Série B.

Com 19 pontos em 18 partidas, o Red Bull Bragantino sobe para a 15ª colocação da tabela do Campeonato Brasileiro. Já o Vasco, com 18 pontos em 16 jogos, cai para o 17º posto, o primeiro dentro da zona de rebaixamento. O Goiás, mais um com 16 jogos, é o lanterna com apenas 11 pontos ganhos.

Pela 19ª rodada do Campeonato Brasileiro, às 20h30 (de Brasília) do próximo domingo, o lanterna Goiás volta a campo para enfrentar o Vasco, mais um ameaçado pelo rebaixamento, no Estádio da Serrinha. Já o Red Bull Bragantino encara o Grêmio às 20 horas de segunda-feira, em Porto Alegre.

O primeiro gol da partida disputada neste sábado saiu aos 46 minutos da etapa inicial. Edimar desceu pela esquerda e cruzou. Na tentativa de cortar, Caju escorou para dentro. O goleiro Tadeu procurou afastar a bola, mas Ytalo apareceu para completar para o fundo das redes.

Aos 37 minutos do segundo tempo, em jogada de contra-ataque, o Red Bull Bragantino aumentou a vantagem. Claudinho recebeu pela esquerda, carregou para o meio e, sem ser incomodado pela marcação, bateu firme da entrada da área. O lance, revisado pelo VAR, acabou confirmado.

O Red Bull ainda desperdiçou a oportunidade de marcar o terceiro aos 49 minutos da etapa complementar. Ao receber lançamento dentro da área, Claudinho foi derrubado por Pintado e o árbitro Ramon Abatti Abel marcou pênalti. Na cobrança, Thonny Anderson bateu para defesa de Tadeu.

FICHA TÉCNICA

RED BULL BRAGANTINO 2 x 0 GOIÁS

Local: Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP)

Data: 24 de outubro de 2020, sábado

Horário: 17h (de Brasília)

Árbitro: Ramon Abatti Abel (SC)

Assistentes: Kleber Lucio Gil (FIFA-SC) e Thiaggo Americano Labes (SC)

VAR: Rodrigo Dalonso Ferreira (SC)

Cartão amarelo: Rafael Moura e Pintado (GOI)

Gols:

RED BULL BRAGANTINO: Ytalo (46min do 1º Tempo) e Claudinho (37min 2º Tempo)

RED BULL BRAGANTINO: Cleiton; Aderlan (Lucas Evangelista), Léo Ortiz, Ligger e Edimar; Ricardo Ryller, Raul, Artur (Luis Phelipe) e Bruno Tubarão (Cuello e depois Morato); Claudinho e Ytalo (Thonny Anderson)

Técnico: Mauricio Barbieri

GOIÁS: Tadeu; Edílson (Pintado), Fábio Sanches (Heron), David Duarte e Caju; Ariel Cabral, Ratinho e Shaylon (Douglas Baggio); Keko, Rafael Moura (Fernandão) e Vinícius (Sandrinho)

Técnico: Enderson Moreira

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.