Bastidores

Augusto Melo pretende trazer Alessandro de volta ao Corinthians

Gazeta
Gazeta Esportiva

26 de novembro de 2020 - 06:00 - Atualizado em 26 de novembro de 2020 - 23:45

Augusto Melo, candidato à presidência do Corinthians, pretende convidar Alessandro Nunes para ocupar o cargo de gerente de futebol da equipe principal, caso seja eleito no pleito agendado para o próximo sábado, no Parque São Jorge.

“Complicado falar, mas eu tenho vontade de trazer o Alessandro. Tenho vontade de trazer o Alessandro, fui diretor com ele por dois anos, é um grande profissional, honesto, conhece tudo de futebol, de vestiário. Seria o meu nome forte. Não conversei, nada, é só uma vontade nossa”.

A revelação aconteceu durante uma live no Youtube, no canal do PodcasTimão, nesta quarta-feira.

“O Alessandro seria um grande gerente de futebol. Eu sei que ele estudou muito nesse tempo que ele está parado, se dedicou muito. Fora isso, ainda fiquei sabendo de algumas ações dentro do clube, que com alguns jogadores eu fui conversando, me encantou mais ainda pela honestidade, pelo caráter. É um cara que conhece muito de vestiário, é um cara de grupo, é um cara organizador. Seria um grande nome para a nossa gestão”.

Alessandro se tornou dirigente logo após se aposentar da carreira de atleta e foi coordenador de futebol do Corinthians entre 2014 e 2016. Depois, assumiu a gerência, cargo que ocupou de 2016 a 2019. Neste período, o time conquistou dois títulos do Brasileirão (2015 e 2017) e outros dois do Paulistão (2017 e 2018).

O início de 2020, Alessandro deixou o clube e o ex-zagueiro Vilson Menezes assumiu o posto.

Com 40 anos, Alessandro resolveu estudar, fazer cursos de gestão na CBF e recusou até uma proposta do Flamengo. Desde então, ele ainda não voltou a trabalhar com futebol.

Como jogador, o ex-lateral direito disputou 258 jogos pelo Timão, marcou quatro gols e foi campeão oito vezes: Série B (2008), Paulistão (2009 e 2013), Copa do Brasil (2009), Brasileirão (2011), Libertadores (2012), Mundial (2012) e Recopa (2013).

Além das conquistas, Alessandro ficou marcado por ter sido o capitão da equipe nas conquistas internacionais.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.