Esportes

Atlético-MG tenta manter embalo no Brasileirão diante do Athletico-PR

Gazeta
Gazeta Esportiva

15 de novembro de 2021 - 19:00 - Atualizado em 15 de novembro de 2021 - 20:15

Líder isolado do Campeonato Brasileiro, o Atlético-MG tenta dar mais um passo rumo ao título nacional diante do Athletico-PR, às 16 horas (de Brasília) desta terça-feira, na Arena da Baixada, na abertura da 33ª rodada da competição.

Vindo de três vitórias consecutivas, o Galo aparece em primeiro lugar no Brasileirão, com 68 pontos, após 31 jogos. O Flamengo, vice-líder, tem oito pontos a menos e o mesmo número de partidas. Já o Furacão, que realizou 32 confrontos, tem 41 pontos e ocupa a 11ª colocação.

As equipes vão entrar em campo com focos distintos. Enquanto o Atlético-MG tenta vencer para seguir com folga no topo da tabela, o Athletico-PR busca um bom resultado antes da final da Copa Sul-Americana, no sábado, contra o Red Bull Bragantino.

Por conta da decisão, o Rubro-Negro pode não entrar em campo com força máxima e poupar alguns de seus principais jogadores. O único desfalque certo é o capitão Thiago Heleno, que recebeu o terceiro cartão amarelo na derrota para o Internacional, no último sábado, e terá de cumprir suspensão.

O Alvinegro, por outro lado, vai utilizar o que tem de melhor. O técnico Cuca, no entanto, terá seis desfalques. Guilherme Arana (suspenso), Junior Alonso (seleção paraguaia), Alan Franco (seleção equatoriana), Eduardo Vargas (seleção chilena), Savarino (seleção venezuelana) e Sávio (Seleção Brasileira sub-17) não estarão à disposição.

Athletico-PR e Atlético-MG ainda irão se enfrentar duas vezes em dezembro, pelas finais da Copa do Brasil. No primeiro turno do Campeonato Brasileiro, o Galo levou a melhor e triunfou por 2 a 0 no Mineirão, com gols de Eduardo Vargas e Neto.

FICHA TÉCNICA

ATHLETICO-PR X ATLÉTICO-MG

Local: Arena da Baixada, em Curitiba (PR)

Data: 16 de novembro de 2021, terça-feira

Horário: 16 horas (de Brasília)

Árbitro: Savio Pereira Sampaio (DF)

Assistentes: Daniel Henrique da Silva Andrade e Jose Reinaldo Nascimento Junior (ambos do DF)

VAR: Daniel Nobre Bins (RS)

ATHLETICO-PR: Santos; Pedro Henrique, Zé Ivaldo e Nicolás Hernández; Marcinho (Khellven), Erick, Christian e Abner (Pedrinho); Nikão (Pedro Rocha), Renato Kayzer (Bissoli) e David Terans (Carlos Eduardo).

Técnico: Alberto Valentim

ATLÉTICO-MG: Everson; Guga, Nathan Silva, Réver e Dodô; Alan, Jair e Matías Zaracho; Keno, Hulk e Diego Costa.

Técnico: Cuca