Esportes

Athletico vence o América de Cali por 1 a 0 e larga em vantagem nas oitavas de final da Copa Sul-Americana

Furacão joga melhor, tem gol anulado, mas consegue a vitória graças a um pênalti convertido por Nikão, aos 26 minutos do segundo tempo; Rubro-Negro joga pelo empate, semana que vem, na Arena da Baixada

Guilherme
Guilherme Almeida
Athletico vence o América de Cali por 1 a 0 e larga em vantagem nas oitavas de final da Copa Sul-Americana
Nikão comemora após marcar o gol da vitória do Furacão (Foto: Reprodução/Conmebol)

13 de julho de 2021 - 23:25 - Atualizado em 13 de julho de 2021 - 23:51

Na noite desta terça-feira (13), América de Cali, da Colômbia, e Athletico se enfrentaram, no Estádio Hernán Ramírez Villegas, pela partida de ida das oitavas de final da Copa Sul-Americana.

O Furacão jogou melhor, teve gol anulado, mas conseguiu fazer valer sua superioridade e venceu por 1 a 0, com gol de Nikão, após cobrança de pênalti, aos 26 minutos do segundo tempo.

Com o resultado, o Athletico joga pelo empate, na partida de volta, na semana que vem, para se classificar. Como o gol fora de casa é critério de desempate, resta ao América de Cali, vencer por dois ou mais gols de diferença. Vitória dos colombianos por 1 a 0 leva a disputa para as penalidades.

As equipes voltam a se enfrentar na próxima terça-feira (20), às 21h30, na Arena da Baixada, pela partida de volta das oitavas de final. Quem passar deste confronto encara o vencedor de Grêmio x LDU, do Equador, nas quartas de final.

AMÉRICA DE CALI 0 X 1 ATHLETICO

Muita disposição, pouca efetividade. Assim pode-se resumir o primeiro tempo, fraco tecnicamente. As equipes praticamente não assustaram. A rigor, foram apenas duas finalizações efetivas. O Athletico assustou primeiro. Aos 15, Vitinho fez boa jogada individual e bateu da entrada da área. A bola passou rente à trave esquerda.

O Furacão pressionava a saída de bola do América de Cali, que só foi assustar aos 31, após cabeçada de Cortéz, que foi salva por Bento. Mas foi só. O time colombiano, mesmo jogando em casa, não conseguia assustar, e o a primeira etapa terminou com o placar zerado.

O Athletico começou o segundo tempo a milhão, e chegou a abrir o placar com Vitinho, aos dois minutos. O gol, contudo, foi anulado, após checagem do VAR, que viu toque de mão de David Terans.

Após o gol anulado, a partida ficou aberta. O América de Cali, porém, não conseguia criar chances de perigo. Melhor no jogo, o Athletico foi premiado pela insistência, e abriu o placar, novamente com participação decisiva do VAR.

Aos 26, a arbitragem de vídeo assinalou pênalti após toque de mão de Ureña. Nikão cobrou no meio do gol, a bola ainda bateu no pé de Graterol, mas morreu no fundo das redes.

O América de Cali chegou a esboçar uma pressão, mas o Athletico conseguiu controlar e garantir a importante vitória, que dá vantagem na briga pela classificação às quartas de final da Copa Sul-Americana.

Ficha Técnica

Copa Sul-Americana
Oitavas de final – Jogo de ida

América de Cali: Joel Graterol; Marlon Torres, Pablo Ortiz e Andrade; Arrieta, Ureña, Luiz Paz (Batalla 2ºT/24″), Santiago Moreno e Quiñonez; Adrian Ramos Carlos Barreiro (Rodríguez 2ºT/12″)
Técnico: Juan Carlos Osório
Cartões amarelos: Ureña (1ºT/12″)

Athletico: Bento; Pedro Henrique, Thiago Heleno e Zé Ivaldo; Khellven (Marcinho 2ºT/00″), Richard, Léo Cittadini (Erick 2ºT/47″); David Terans (Matheus Babi 2ºT/18″) e Nicolas; Vitinho (Carlos Eduardo 2ºT/39″) e Nikão
Técnico: António Oliveira
Gols: Nikão (2ºT/26″)
Cartões amarelos: Léo Cittadini (1ºT/09″); Zé Ivaldo (2ºT/00″); Marcinho (2ºT/12″)

Local:  Estádio Hernán Ramírez Villegas, em Pereira (Colômbia)
Data: 13/07/2021
Horário:
 21h30
Árbitro: Jose Argote (VEN)
Assistentes: Jorge Urrego (VEN) e Carlos A. Lopes (VEN)
Árbitro de vídeo: Juan Lara (CHI)

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.