Esportes

Athletico nunca perdeu para a Chapecoense jogando na Arena da Baixada

Nas oito partidas disputadas contra o rival na capital paranaense, Furacão soma quatro vitórias e quatro empates, o último em 2019, pela 22ª rodada da Série A

Guilherme
Guilherme Almeida
Athletico nunca perdeu para a Chapecoense jogando na Arena da Baixada
Furacão tem ótimo retrospecto atuando em casa contra a Chape (Foto: Divulgação/Athletico)

26 de junho de 2021 - 14:00

Além de buscar a vitória para se reabilitar na Série A, o Athletico terá também outra motivação para encarar a Chapecoense no domingo (27), às 20h, na Arena da Baixada. Jogando em seus domínios, o Furacão nunca perdeu para o rival.

Até hoje, Athletico e Chapecoense se enfrentaram 17 vezes na história, pelas Séries A e B do Campeonato Brasileiro, além da Copa do Brasil. O Furacão leva vantagem no retrospecto, com quatro vitórias, contra três da Chape. Ainda houveram outros dez empates.

Nunca perdeu jogando em casa

O Athletico nunca foi derrotado pela Chapecoense jogando em Curitiba. Nas oito partidas disputadas entre ambos na capital paranaense, foram quatro vitórias do Furacão e outros quatro empates.

Também houve um duelo disputado no Estádio Willie Davids, em Maringá, pela Série A de 2014, mas que acabou empatado em 1 a 1.

O último triunfo do Furacão jogando em casa foi pela Série A de 2018. Em jogo válido pela primeira rodada, o Rubro-Negro não tomou conhecimento do adversário, e venceu, de virada, por 5 a 1.

Na ocasião, os gols foram anotados pelo lateral-esquerdo Thiago Carleto, pelos meias Matheus Rossetto e Nikão, e pelos atacantes Éderson e Pablo. O também atacante Wellington Paulista marcou para os catarinenses.

(Créditos: SportTV)

Último confronto

O último duelo entre as equipes, válido pela 22ª rodada da Série A de 2019, terminou empatado. Arthur Gomes abriu o placar para o time catarinense, enquanto Nikão deixou tudo igual para o Furacão.

A curiosidade do jogo é que o atacante Renato Kayzer, atualmente no Athletico, defendia a Chapecoense, na ocasião.

(Créditos: Athletico)

Provável escalação

Para a partida deste domingo, o Athletico terá uma série de desfalques. Expulsos na derrota para o Bahia, o técnico António Oliveira; o lateral-direito Marcinho e o volante Richard, cumprem suspensão.

Além deles, o coordenador técnico Paulo Autuori também foi suspenso, por três jogos, devido a expulsão na partida contra o Juventude.

Quem comandará a equipe contra a Chapecoense será o auxiliar-técnico Bruno Lazaroni. No lugar de Marcinho, entra Khellven. Já na vaga de Richard, Erick, que se recuperou de lesão, e entrou na derrota contra o Bahia; e Alverado, brigam pela titularidade.

Nikão, se recupera de lesão e tem presença incerta. No ataque, Matheus Babi, que cumpriu suspensão automática, retorna à formação titular.

Com isso, uma provável escalação tem: Santos; Pedro Henrique, Thiago Heleno e Zé Ivaldo; Khellven, Erick (Alvarado), Christian, David Terans, Vitinho e Abner; Matheus Babi

Athletico e Chapecoense se enfrentam domingo (27), às 20h, na Arena da Baixada, pela sétima rodada da Série A. O Furacão é o segundo colocado, com 12 pontos em cinco partidas disputadas. Já a Chape, aparece na décima oitava posição, com três pontos em seis partidas.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.