Esportes

Athletico e Coritiba disputam final histórica no Paranaense 2020

O duelo entre Athletico-PR e Coritiba acontece na tarde deste domingo (02), às 16h, na Arena da Baixada.

Andressa
Andressa Fernandes
Athletico e Coritiba disputam final histórica no Paranaense 2020
Foto: Divulgação/Coritiba.com.br

2 de agosto de 2020 - 09:00

Athletico e Coritiba fazem uma final histórica no Campeonato Paranaense 2020. A dupla Athletiba chega à sua 19º decisão, empatada no número de conquistas sobre o maior rival, com 9 taças para cada lado. Além disso, esta será a primeira vez que o clássico define a competição sem a presença de público, em função do protocolo da Covid-19.

Maior campeão Estadual, o Coxa está em busca do 39° título. Enquanto o Furacão, atual campeão paranaense, tenta a conquista do 26º, na sua quinta final consecutiva. Em três delas, foi decidida entre os rivais (2016, 2017 e 2018). A última (2019) foi contra o Toledo.

Athletiba equilibrado

O clássico deste domingo (02), reúne as duas melhores campanhas da competição.

De um lado o Coxa tem a melhor defesa, enquanto o Furacão possui o melhor ataque, mesmo assim, os números são bem similares.

Na classificação geral, o Coritiba somou 36 pontos em 15 jogos, com 11 vitórias, 3 empates e 1 derrota. Já o Athletico tem 30 pontos, 9 vitórias, 3 empates e 3 derrotas.

O Coritiba tem a vantagem de decidir em casa, mas se houver empate na soma dos resultados, a decisão vai direto para os pênaltis.

Briga pela artilharia

Os times também estão equilibrados na busca pela artilharia. Pedrinho e Bissoli marcaram seis gols cada (empatados com Lucas Tocantins, do FC Cascavel). Ainda pelo lado rubro-negro, Nikão aparece logo na sequência com cinco.

Representando a equipe alviverde, Rafinha e Robson marcaram quatro vezes cada no Paranaense 2020.

Athletico

O técnico Dorival Júnior tem algumas baixas no elenco. Adriano, expulso contra o FC Cascavel, cumpre suspensão e Erick, machucado durante a partida também está afastado. Jonathan deve ocupar a vaga. Márcio Azevedo não foi relacionado pela segunda vez consecutiva.

Por outro lado, o zagueiro Thiago Heleno, que cumpriu suspensão automática na última partida e Cittadini, que foi poupado, devem retornar.

Provável: Santos; Jonathan, Thiago Heleno, Lucas Halter e Abner Vinícius; Wellington, Cittadini, Nikão, Carlos Eduardo e Marquinhos Gabriel; Bissoli. 

Coritiba

A situação do técnico Eduardo Barroca é mais favorável, com o retorno de cinco atletas que cumpriram suspensão na rodada anterior. Rhodolfo, Nathan Silva, Thiago Lopes e os atacantes Robson e Igor Jesus estão novamente à disposição.

Rodolfo Filemon, Matheus Bueno, Renê Júnior e Wanderley voltam para o banco. Já o volante Matheus Sales é o único desfalque com uma lesão na coxa. Sassá deve permanecer fora da equipe.

Provável: Alex Muralha; Patrick Vieira, Sabino, Rhodolfo e William Matheus; Nathan Silva, Gabriel e Thiago Lopes; Rafinha, Robson e Igor Jesus. 

Arbitragem:

Paulo Roberto Alves Júnior, apita a partida com os auxiliares, Rafael Trombeta e Victor Hugo Imazu dos Santos. O quarto árbitro será Leonardo Ferreira Lima.

Assista o Athletiba ao vivo

O duelo entre Athletico-PR e Coritiba acontece na tarde deste domingo (02), às 16h, na Arena da Baixada. O jogo de volta será na quarta-feira (05), às 20h, no Couto Pereira. 

Acompanhe as partidas pelo DAZN, e também nas transmissões do RIC Mais em parceria com a Rádio Triboleiros, no Facebook e YouTube. Concorra a uma camisa do seu time do coração.