Esportes

Argentina apresenta protocolo à Conmebol para sediar a Copa América 2021

Gazeta
Gazeta Esportiva

26 de maio de 2021 - 22:09 - Atualizado em 26 de maio de 2021 - 22:45

O governo da Argentina apresentou à Conmebol nesta quarta-feira um “protocolo rigoroso” para a realização da Copa América de 2021 no país.

A entidade sul-americana se reuniu com as autoridades argentinas na Quinta de Olivos, a residência oficial do presidente da Argentina, para avaliar os aspectos organizacionais e logísticos da realização do evento, além dos protocolos sanitários contra a proliferação da covid-19.

Também foi debatida a possibilidade da habilitação de sedes adicionais. Incialmente, o torneio também seria disputada na Colômbia, mas o país desistiu devido ao seu conturbado clima político.

Agora, o protocolo será estudado pelos funcionários do Ministério da Saúde da Argentina.

A Copa América está prevista para começar no dia 11 de junho.

Confira a nota da Conmebol na íntegra:

O governo argentino apresentou à CONMEBOL um protocolo rigoroso para a CONMEBOL Copa América 2021, a ser realizada no país. Em uma reunião, realizada na Quinta de Olivos, foram avaliados os aspectos organizacionais e logísticos – com a possível habilitação de sedes adicionais – e tudo o que diz respeito aos protocolos sanitários.

A análise da disputa desta CONMEBOL Copa América e seus protocolos de saúde para que possa ser organizada no país, estará sob o rigoroso estudo de funcionários do Ministério da Saúde da República da Argentina. Isto foi acordado pelo Presidente da República da Argentina, Alberto Fernández, e o titular da CONMEBOL, Alejandro Domínguez, em uma reunião na tarde de hoje.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.