Bastidores

Após Felipão e Mano, Luiz Adriano vê clima mais leve por início com Luxa

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais

27 de maio de 2020 - 00:00 - Atualizado em 27 de maio de 2020 - 00:00

Com menos de um ano de Palmeiras, Luiz Adriano já teve três treinadores diferentes. Sob o comando de Vanderlei Luxemburgo, que pôde implantar sua filosofia desde o início desta temporada, o experiente centroavante sente um ambiente mais tranquilo.

“O ano começou de uma forma diferente, com um trabalho do professor Vanderlei. Então, isso deixa as coisas mais leves do que ficar trocando de treinador toda hora. Se não, vem uma incerteza, uma derrota, uma vitória. Isso acaba modificando o clima do clube”, disse Luiz Adriano em live promovida pelo Esporte Interativo nesta quarta-feira.

Contratado em julho de 2019, o centroavante estreou na gestão de Luiz Felipe Scolari, demitido após derrota por 3 a 0 contra o Flamengo. No ano passado, Luiz Adriano ainda conviveu com Mano Menezes, que caiu pelo revés por 3 a 1 diante do mesmo adversário.

“Está completamente diferente do que aconteceu no ano passado, quando acabou trocando de técnicos. Faz uma grande diferença poder começar a temporada com um treinador e seguir a linha que ele quer. Ajuda muito e deixa o ambiente bem mais leve, com certeza”, afirmou Luiz Adriano, com 12 gols em 27 jogos pelo Palmeiras.

Impossibilitado de frequentar a Academia de Futebol por conta da pandemia de covid-19, o centroavante vem cumprindo o programa de treinamento a distância criado pelo Palmeiras. Em São Paulo, o futebol será retomado apenas com aval das autoridades sanitárias estaduais e municipais.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.