Esportes

Após enfrentar Santos desfalcado, Palmeiras terá reforços para Libertadores: veja detalhes

Gazeta
Gazeta Esportiva

7 de dezembro de 2020 - 07:00 - Atualizado em 7 de dezembro de 2020 - 17:30

Atrapalhado por uma série de desfalques, o Palmeiras ficou no empate contra o Santos na última rodada do Campeonato Brasileiro. No confronto com o Libertad, válido pelas quartas de final da Copa Libertadores, o time alviverde pode contar com seis reforços.

Suspensos diante do Santos, Gustavo Gomez, Danilo e Gabriel Menino estão liberados para a Libertadores. Gustavo Scarpa foi vetado do clássico por concussão e Rony ficou fora em função de desgaste muscular, mas ambos participaram do treino de domingo e também devem ficar à disposição.

Após cumprir o período de isolamento previsto pelo protocolo em casos de covid-19, Renan voltou a trabalhar na Academia de Futebol durante a manhã de domingo. O jovem zagueiro realizou um treino físico no gramado e tem chances de ser relacionado.

Já Marcos Rocha, ainda afastado por covid-19, deve continuar como desfalque. Assim como Patrick de Paula e Luiz Adriano, em recuperação de lesões na coxa. Alan Empereur, com entorse no tornozelo, será reavaliado nesta segunda. Para completar, Felipe Melo, Wesley e Luan Silva voltarão apenas na próxima temporada.

Com o português Abel Ferreira ainda em isolamento por covid-19, a comissão técnica deve mandar a campo a seguinte formação: Weverton; Gabriel Menino, Gustavo Gomez, Luan e Matias Viña; Danilo, Zé Rafael e Raphael Veiga; Gabriel Veron (Rony), Lucas Lima e Willian.

O Palmeiras faz seu último treinamento na Academia de Futebol na manhã desta segunda e segue com destino a Assunção durante a tarde. O confronto contra o Libertad está marcado para as 21h30 (de Brasília) de terça-feira, no Estádio Defensores Del Chaco.