Botafogo

Após demissão de Ramón Díaz, Honda ameaça deixar o Botafogo

Gazeta
Gazeta Esportiva

27 de novembro de 2020 - 19:22 - Atualizado em 27 de novembro de 2020 - 19:30

A decisão da diretoria do Botafogo em demitir Ramón Díaz e trazer Eduardo Barroca pegou todos de surpresa. Só que isso pode acarretar mais problemas dentro do clube.

O japonês Keisuke Honda não escondeu seu incômodo com toda a situação. Tanto que o meia deu a entender que pode estar de saída de General Severiano.

“Inacreditável. Vou começar a pensar em ir embora se eles não convencerem em alguns dias“, escreveu.

Honda é um dos líderes do elenco desde sua chegada, nesta temporada. O japonês vinha sendo um dos principais jogadores da equipe neste momento.

A diretoria espera reverter a situação com Honda para não piorar a situação da equipe alvinegra no Campeonato Brasileiro. Recentemente, Honda assinou extensão de vínculo até o final da Série A.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.