Esportes

Ao som de Baile de Favela, ginasta brasileira impressiona e garante vaga nas Olimpíadas

Rebeca Andrade carimbou o passaporte para as Olimpíadas de Tóquio, no mês que vem

Aline
Aline Taveira / Produtora com informações do GE
Ao som de Baile de Favela, ginasta brasileira impressiona e garante vaga nas Olimpíadas
(Foto: Divulgação/CBG)

7 de junho de 2021 - 13:43 - Atualizado em 7 de junho de 2021 - 13:43

A ginasta brasileira Rebeca Andrade venceu o individual geral feminino no Pan-Americano de Ginástica, no Rio de Janeiro. A atleta, que já fez três cirurgias no joelho desde as últimas Olimpíadas, conquistou 56.700 pontos. 

Em sua última apresentação, na prova do solo, a ginasta do Flamengo fez as suas coreografias ao som do funk “Baile de Favela” do MC João. Segundo o GE, além de Rebeca, disputaram a prova as também brasileiras Lorrane Oliveira, Christal Bezerra e Júlia Soares.

“Estou muito feliz, porque a minha carreira é brilhante, mas ela sempre foi muito difícil. Espero representar o Brasil da melhor forma possível em uma Olimpíada mais uma vez. Ficamos muito tempo sem competir, então manter a calma hoje foi muito difícil, mas eu felizmente consegui. Foram duas lesões no joelho, mas felizmente não tive perdas na minha ginástica. Agradeço muito aos profissionais que trabalham comigo e à minha comissão técnica”,

disse Rebeca ao GE.

A apresentação foi publicada pela Revista TPM nas redes sociais:

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.