Bastidores

Andy Murray desiste do ATP de Colônia por conta de dores

Gazeta
Gazeta Esportiva

19 de outubro de 2020 - 10:20 - Atualizado em 19 de outubro de 2020 - 10:45

O britânico Andy Murray desistiu do ATP 250 de Colônia após voltar a sentir dores. O tenista 33 anos voltou a sentir uma lesão que tem no quadril e abandonou a competição na Alemanha. O atleta convive com este desconforto desde 2019.

Para quem já foi o número um do mundo, a fase de Murray não é nada boa. Apenas o 116º no Ranking, o escocês vem sofrendo com a lesão, já tendo passado por duas cirurgias. Nos últimos Grand Slans, caiu na segunda fase no US Open e no primeiro jogo em Roland Garros.

Peter Staples/ATP Tour

Na primeira semana do ATP de Colônia, o tenista foi derrotado por Fernando Verdasco. Mesmo assim, entraria em quadra nos próximos dias para enfrentar Danilo Petrovic, quando voltou a sentir dores e optou por deixar a competição.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.