Bastidores

Anderson Barros entra na Justiça contra o Botafogo

Gazeta
Gazeta Esportiva

15 de janeiro de 2021 - 15:58 - Atualizado em 15 de janeiro de 2021 - 17:15

O ex-gerente de futebol do Botafogo, Anderson Barros, acionou o clube na Justiça. O profissional  – atualmente no Palmeiras – cobra R$ 204.871,28 referentes à indenização por rescisão de contrato.

A defesa de Anderson Barros ainda pede para que haja a penhora dos valores que o clube tem a receber da televisão caso não pague em três dias úteis.

Com isso, a diretoria alvinegra corre o risco de ter a receita penhorada e se complicar ainda mais em relação aos salários de funcionários e jogadores.

O Botafogo vem buscando equalizar suas finanças para prosseguir com a ideia de transformar o clube em uma S.A. No entanto, os dirigentes têm encontrado dificuldades para chegar ao seu objetivo.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.