Esportes

Abel garante Felipe Melo, mas despista sobre escalação do Palmeiras para final

Gazeta
Gazeta Esportiva

29 de janeiro de 2021 - 16:09 - Atualizado em 29 de janeiro de 2021 - 22:15

Em pouco mais de dois meses, Felipe Melo deu a volta por cima no Palmeiras. Após fraturar o tornozelo esquerdo no início de novembro, o volante se recuperou mais rápido que o previsto, voltou a atuar como titular no empate contra o Vasco, na terça-feira, e será utilizado por Abel Ferreira contra o Santos, neste sábado, na grande final da Libertadores no Maracanã.

O treinador garantiu, em entrevista coletiva nesta sexta-feira, que o camisa 30 vai participar da decisão. No entanto, o português não revelou se o jogador de 37 anos iniciará o clássico como titular.

“Em relação ao Felipe Melo, tenho sido honesto com a comunicação que tenho feito com vocês desde que cheguei aqui. É o jogador mais titular do Palmeiras, com uma experiência muito grande, com uma vibração enorme, alguém que nos ajuda dentro e fora de campo. Seguramente amanhã vai poder nos ajudar. Se vai ser de início ou se vai ser a entrar, cabe a mim decidir depois”, afirmou.

“É um jogador que ajuda todos e a mim, enquanto treinador, porque é um colecionador de títulos. Tudo o que depender de mim e dos nossos jogadores faremos para que ele, amanhã, possa acrescentar ainda mais”, completou.

Abel também despistou sobre o ataque alviverde para o confronto no Maracanã. O técnico valorizou a importância de Willian e Rony, mas deu destaque para o coletivo e não confirmou os titulares.

“Gosto de falar da equipe completa. Depende de quem passa a bola, o lateral depende dele na ajuda para defender. O futebol é coletivo, não é individual. Dentro deste jogo coletivo, é que o individual emerge. O Rony tem sido chamado a jogar como centroavante ou na ponta porque nos dá um jogo vertical, velocidade, ajuda a defender, assim como Willian. São dois jogadores que têm jogado nessas posições, com características diferentes, mas com grande desempenho”, disse.

“É um jogador focado, desde que cheguei vi mente e coração abertos para aprender o novo conceito de jogo coletivo. Somos muito específicos no que pedimos aos jogadores, os movimentos que pretendemos para conquistar ou libertar espaços para outros jogadores. O Rony é um jogador com muita energia, força, garra, tem feito gols importantes e decisivos. Conto com a inspiração dele amanhã também, de início ou a entrar”, concluiu.

Na atual edição da Libertadores, Rony marcou cinco gols e deu sete assistências em dez partidas. Willian, por sua vez, anotou quatro tentos e deu uma assistência, também em 10 partidas. A tendência é que Abel Ferreira escale o Palmeiras com: Weverton; Marcos Rocha, Gustavo Gómez, Luan e Matías Viña; Danilo, Zé Rafael, Gabriel Menino e Raphael Veiga; Rony e Luiz Adriano.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.