Esportes

Abel cita amigo Mourinho e De Bruyne para falar sobre melhora de Rony no Palmeiras

Gazeta
Gazeta Esportiva

31 de dezembro de 2020 - 09:00 - Atualizado em 1 de janeiro de 2021 - 00:00

Após um começo irregular pelo Palmeiras, Rony vem ganhando terreno desde a chegada do técnico Abel Ferreira. Questionado sobre a evolução do atacante, destaque da vitória sobre o América-MG, o português citou o compatriota José Mourinho e o talentoso belga Kevin de Bruyne, que trabalharam juntos no Chelsea.

“Vou falar aqui de um treinador que admiro muito, meu amigo Mourinho. É um dos treinadores nos quais me inspiro. Lembro que o De Bruyne estava com ele e acabou por sair. E, agora, é um dos melhores. Tempo, precisamos dar tempo. Às vezes, não damos esse tempo e confiança ao jogador”, afirmou Abel.

Rony brilhou a camisa do Athletico-PR em 2019 e, assediado também pelo Corinthians, acabou contratado pelo Palmeiras. Cercado por grande expectativa desde sua vinda, o atacante demorou a marcar o primeiro gol pelo novo clube e chegou a frequentar o banco de reservas.

“Infelizmente, vivemos na era em que uma hora parece um minuto. Queremos tudo para ontem. Queremos contratar jogadores, gastamos dinheiro e não damos tempo de adaptação à exigência do clube, porque é diferente jogar no Palmeiras e em um time de médio ou baixo porte”, disse Abel.

Em evolução sob o comando do técnico português, Rony teve atuação decisiva na semifinal da Copa do Brasil, disputada na noite de quarta-feira. O atacante passou para Luiz Adriano abrir o placar diante do América-MG e ainda fechou o marcador no Estádio Independência.

“É preciso uma adaptação e as pessoas, às vezes, não dão essa adaptação aqui. Temos que ter calma, acreditar neles, dar confiança e tempo. Se foi um jogador que custou o que custou, é porque tem essa qualidade”, reiterou Abel Ferreira, que vem preservando o desgastado Rony para os duelos decisivos do Palmeiras.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.