Gislene Bastos
Viajar com sustentabilidade

Por Gislene Bastos

Viagens
Gislene Bastos

Roda gigante de Balneário Camboriú vai girar a partir de dezembro

Estrutura está praticamente pronta. Detalhes da entrega são divulgados. E fotógrafos profissionais e amadores se desdobram para mostrar novo atrativo.

Roda gigante de Balneário Camboriú vai girar a partir de dezembro

20 de novembro de 2020 - 17:43 - Atualizado em 22 de novembro de 2020 - 11:51

Vem conhecer comigo a roda gigante de Balneário Camboriú. Nossa conversa hoje é direto dessa cidade ícone de férias e diversão, praia e baladas! Desde sempre as areias de Balneário Camboriú, em Santa Catarina, são generosas com quem chega em busca de descanso ou de agito para sentir-se vivo. E como a natureza colaborou, o poder público e a iniciativa privada também deram aquela forcinha criando opções diversificadas de lazer. Mesmo nesse ano de pandemia, com muitos investidores puxando o freio de mão, a cidade viu crescer uma escultura branca no Pontal Norte.

Estou falando da FG BIG Wheel. A roda gigante tem 36 cabines que chegam a 82 metros acima do nível do mar (65 metros de altura da base ao topo da roda) e mudou a paisagem da praia central. Para o bem e para o mal! As obras foram alvo de críticas, principalmente por causa da retirada de vegetação e intervenções no Morro e Estrada da Rainha. Ânimos acalmados, os trabalhos seguiram e exigem adaptações também no trânsito da região. Tudo está caminhando, ou rodando, no ritmo da segurança que o empreendimento exige. 

Foto: Hildo Junior/FG Big Wheel

O projeto começou a ser executado em dezembro de 2019 e conta com soluções de engenharia para suportar ventos de até 210 km/h. Partes da estrutura foram fabricadas na Alemanha, Holanda e China. O prédio sede tem dois andares, lojas de souvenirs, cafeteria, sorveteria, bar e espaço para fotos. Todos os ambientes são adaptados para facilitar o deslocamento de deficientes físicos.

Festa de inauguração com live pela internet

A maior roda gigante estaiada da América Latina, a segunda em altura aqui no Brasil, vai receber os primeiros visitantes dia 11 de dezembro. Na noite anterior, dia 10, um show será transmitido ao vivo de dentro do complexo, sem a presença de público ou visão da praia, para comemorar a entrega do empreendimento. No palco estarão os mineiros da banda Jota Quest, com mais de 25 anos de estrada. 

A live no canal da banda no YouTube terá interação com o público pelas plataformas digitais, os grandes sucessos do Jota Quest e surpresas para quem estiver curtindo de casa. A transmissão começa às oito horas da noite. 

Ingressos para roda gigante de Balneário Camboriú com preços definidos

E quem já pensa em incluir a roda gigante na próxima visita a Balneário Camboriú, o preço do ingresso está definido. Custa R$ 36. Crianças até 5 anos não pagam, mas precisam estar acompanhadas por um adulto pagante responsável, e entre 6 e 12 anos e pessoas a partir dos 60 anos pagam R$ 18,00. A compra poderá ser feita direto no complexo Big Wheel ou pela internet.

Na compra antecipada o ingresso adulto passa para R$ 32,00 e o visitante pode escolher o horário do passeio. Também há benefícios para grupos da mesma família. As cabines tem capacidade para seis pessoas cada uma, ar condicionado, rede wi-fi, interfone para falar com a central e circuito fechado de imagens. A volta completa vai durar aproximadamente 20 minutos. 

Fotos e vídeos do público consolidam Big Wheel antes mesmo da inauguração 

Ainda durante a construção a roda gigante de Balneário Camboriú já ganhou a internet, com muitos registros especialmente nas redes sociais. Impossível passar pela Avenida Atlântica e não parar para dar uma olhadinha extra, mais demorada.

Fato semelhante ocorreu quando o Parque Unipraias foi construído no outro extremo da praia, há vinte anos. Na Barra Sul o investimento privado conta com 47 bondinhos aéreos, com capacidade para até 8 passageiros, ligando a Praia Central à Praia de Laranjeiras e oferece atividades de lazer que juntam contemplação e adrenalina. Mas naquela época, o mundo ainda não era tão instantâneo!

Duas décadas depois, a nova atração é registrada passo a passo e de todos os ângulos que a criatividade e a tecnologia hoje permitem.

Conversei com o autor de uma das imagens mais bonitas e diferentes da roda gigante. O surfista Ricardo Augusto de Souza é formado em Jornalismo e há cinco anos se dedica ao fotojornalismo e à fotografia aquática profissional. E foi no mar que ele obteve um recorte inusitado. 

A foto com a visão de dentro da água para a nova atração turística de Balneário Camboriú rendeu muitas publicações e a curiosidade do público. Afinal, ele foi contratado para fazer a imagem? Não. Mas o trabalho trouxe bons contatos profissionais, segundo ele. O olhar jornalístico e artístico merece. Ricardo também gostou, mas conta que não imaginou que a foto teria tanta repercussão.  “Um pouco do meu trabalho é isso: mostrar para as pessoas o que elas não conseguem ver, ou de um ângulo que muitas vezes elas acabam não vendo; e para aquelas que conseguem ver, dar oportunidade para que elas mostrem esse ângulo para outras pessoas também.” 

Proposta muito semelhante ao que teremos possibilidade a partir de dezembro. Do alto de uma roda gigante, gigante.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.