Entretenimento

Teatro Scala de Milão reabre ao público após sete meses fechado por conta da pandemia

Reuters
Reuters
Teatro Scala de Milão reabre ao público após sete meses fechado por conta da pandemia
Milan's La Scala opera house re-opens to the public

10 de maio de 2021 - 19:46 - Atualizado em 10 de maio de 2021 - 19:50

Por Sara Rossi

MILÃO (Reuters) – O teatro Scala de Milão, um dos principais palcos da história da ópera, reabriu suas portas para um público restrito nesta segunda-feira, aumentando as esperanças de uma retomada gradual da movimentada vida cultural de Milão após um fechamento de quase sete meses por conta da pandemia de Covid-19. 

Membros da orquestra usando máscaras e um coral, conduzidos pelo diretor musical da casa Riccardo Chailly, executaram árias de Giuseppe Verdi, Richard Wagner e outros compositores renomados em um auditório vazio, com cerca de 500 pessoas, mascaradas, assistindo à apresentação dos camarotes ao redor.

O concerto – que marcou a estreia da soprano norueguesa Lise Davidsen, de 34 anos, no Scala – ganhou aplausos por cinco minutos e encerrou com “Va, Pensiero”, de Verdi. 

“É um símbolo da retomada, não apenas para o Scala, mas para a Itália como um todo”, disse o diretor artístico Dominique Meyer. 

Com os números de infecções e mortes pela Covid-19 em queda, a Itália avalia atenuar as medidas de lockdown e planeja suspender as restrições de quarentena para viajantes vindos de países europeus e Israel já em meados de maio. 

A Itália fechou seus teatros e casas de shows em outubro do ano passado para conter a segunda onda da pandemia após o verão. Cafés, bares, restaurantes, cinemas e teatros reabriram parcialmente na maioria das regiões italianas no dia 26 de abril. 

O concerto também marcou o aniversário de 75 anos da reabertura do clássico teatro de Milão após os bombardeios da Segunda Guerra Mundial.

(Reportagem de Sara Rossi)

tagreuters.com2021binary_LYNXMPEH4917A-BASEIMAGE

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.