TV

Séries que se destacaram no ano!

TOMMO
TOMMO
Séries que se destacaram no ano!

5 de julho de 2016 - 09:51 - Atualizado em 5 de julho de 2016 - 09:51

O Emmy é uma premiação bastante tradicional e que tem o costume de manter sempre os mesmos programas entre os indicados. Isso significa que séries como Game of Thrones, Better Call Saul e Orange is the New Black devem voltar a marcar presença na cerimônia, mas há espaço para as novatas na premiação.

Abaixo, selecionamos 8 séries dramáticas que estrearam entre junho de 2015 e maio de 2016, que conquistaram a crítica e o público, e que podem ser consagradas na maior premiação da televisão americana.

Sense8

A série das irmãs Wachowski pode ser considerada estranha e irregular demais para os padrões da Academia Televisiva, mas é quase injusto ver o programa não ser reconhecido pela sua originalidade, sensibilidade e quebra de paradigmas e tabus. Simplesmente não conseguiríamos deixar Sense8 de fora dessa lista!

The Man in the High Castle

Esta curiosa ficção de distopia baseada no livro de Philip K. Dick imagina um mundo em que os Aliados perderam a Segunda Guerra Mundial. Além de ser exercício sobre filosofia política, a série traz também questionamentos sobre o papel da mídia, da propaganda e do poder da imagem de evocar a imaginação.

Narcos

A série dos brasileiros José Padilha e Wagner Moura na Netflix estreou em meio a muita polêmica sobre o retrato do traficante Pablo Escobar, incluindo uma implicação com o sotaque de Moura. O programa, porém, conquistou importantes indicações a outras premiações da TV, como o Globo de Ouro e o Sindicato de Roteiristas.

Marvel’s Jessica Jones

Jessica Jones é possivelmente a série baseada em heróis dos quadrinhos mais eficiente em termos dramáticos. O programa da Marvel/Netflix surpreendeu ao abordar temas pesados como a manipulação e o abuso de poder (incluindo estupro) através do apavorante vilão Kilgrave; isso sem falar que a personalidade forte de Jessica deixa suas marcas.

Billions

O Emmy gosta de rostos familiares, e a presença de Damian Lewis (Homeland) e Paul Giamatti (Sideways) no elenco favorece muito Billions. O programa não foi uma unanimidade pela crítica, mas tem seus fãs.

American Crime Story

Pode inscrever The People vs. O.J. Simpson: American Crime Story entre os indicados na categoria minissérie ou série de caráter limitado. O programa de Ryan Murphy conquistou amplamente o público americano, e a torcida é enorme para ver nomes como Sarah Paulson entre as nomeações de atuação dessa categoria.

UnREAL

Quem não conhece UnREAL pode achar que é um exagero o prestígio do programa junto à crítica. Mas a verdade é que a série expõe de maneira cínica e cruel os bastidores da produção televisiva – neste caso, de um reality de competição como The Bachelor – e a indústria gosta de falar de si mesma, mesmo que seja de uma maneira suja (e verdadeira) como em UnREAL.

Mr. Robot

Se há uma novata com chances reais de conquistar uma indicação e eventualmente vencer o Emmy de série dramática, é Mr. Robot. O programa sobre o hacker Elliot está com o timing perfeito ao criticar a sociedade capitalista e a bolha econômica, além de ser um excelente manifesto sobre a cibercultura e o mundo contemporâneo.

Fonte: Minha Série.