Cinema & Filmes

Pantera Negra – Kendrick Lamar e The Weeknd são processados por plágio

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais
Pantera Negra – Kendrick Lamar e The Weeknd são processados por plágio

26 de fevereiro de 2020 - 00:00 - Atualizado em 26 de fevereiro de 2020 - 00:00

Kendrick Lamar e The Weeknd são processados por plágio por banda americana que alega que os artistas roubaram os vocais de uma das suas faixas para criar a música “Pray for Me”, um dos sucessos da trilha do Pantera Negra.

De acordo com o The Wrap, a banda Yeasayer diz que a dupla, assim como os produtores da faixa, “extraíram” o coral de vozes masculinas da canção “Sunrise”, lançada em 2007, o modificaram e colocaram em “Pray for Me”. Porém, segundo eles, “é imediatamente reconhecível” que se trata do coral deles. Compare:

A banda pede, no processo, uma liminar para interromper as vendas e o licenciamento da música, além de uma indenização por danos não determinada.

Com participação de SZAKhalidFuture e The Weeknd, Black Panther: The Album foi lançada em fevereiro de 2018 e atingiu o topo da Billboard 200. Além disso, o disco emplacou oito músicas na Billboard Hot 100.

O post Pantera Negra – Kendrick Lamar e The Weeknd são processados por plágio apareceu primeiro em TOMMO.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.