Entretenimento

MC Gui vibra com recepção em Curitiba: ‘O funk ganhou o Brasil’

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais

11 de maio de 2017 - 00:00 - Atualizado em 11 de maio de 2017 - 00:00

MC Gui volta a Curitiba para cumprir agenda de shows (Foto: Carolina Rios)

De passagem pela cidade, MC Gui garante que o funk ganhou espaço no Brasil e no mundo

MC Gui está de volta a Curitiba! Duas semanas após o seu último show na cidade, o ídolo teen vem à capital paranaense para novos compromissos profissionais, um sinal de que a região, conhecida pelo sertanejo e pelo rock, está dando cada vez mais espaço ao funk, certo?

“Graças a Deus, todas as vezes que eu vim para Curitiba, fui bem recebido! Não tem essa coisa de um público gostar só de rock ou só sertanejo… Tem gente que gosta de tudo. O funk ganhou espaço no Brasil e no mundo. Não vejo essa separação de ritmos”, garante.

Assim como o gosto musical dos paranaenses, a diversidade artística e o gingado de Gui variam de acordo com o palco em que ele pisa. Foi o que os telespectadores do Dancing Brasil, reality de dança sucesso em todo o planeta, puderam acompanhar na tela da RICTV | Record TV. Ao lado da professora Bella, o jovem deu show de requebrado e mostrou que topa encarar desafios com diferentes tipos de batida. “Tive que aprender algumas danças que eu nem imaginava. Foi muito bom! Só tenho a agradecer à direção e à produção”, disse ele ao Portal RIC Mais.

Para a tristezas das fãs, a passagem de MC Gui pelo programa comandado por Xuxa Meneghel acabou precocemente. Devido às lesões no joelho, ele precisou deixar a atração. Clique aqui e assista ao momento em que a apresentadora comunica a saída do cantor.

Veja também
MC Gui e Bella encaram valsa com elegância
Trilha de Toy Story embala apresentação de MC Gui e Bella

 

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.