Entretenimento

“Deserto Particular”, de Aly Muritiba, representará Brasil na disputa por vaga no Oscar

Reuters
Reuters
“Deserto Particular”, de Aly Muritiba, representará Brasil na disputa por vaga no Oscar
Estatuetas do Oscar em Walden, Nova York

15 de outubro de 2021 - 16:08 - Atualizado em 15 de outubro de 2021 - 16:10

Por Patrícia Vilas Boas

SÃO PAULO (Reuters) – O filme “Deserto Particular”, do cineasta Aly Muritiba, foi escolhido pelo Comitê Brasileiro de Seleção para representar o Brasil na disputa por uma indicação ao prêmio de melhor filme internacional no Oscar de 2022, informou a Academia Brasileira de Cinema e Artes Audiovisuais nesta sexta-feira.

“Foi uma escolha difícil. Ficamos entre alguns filmes, considerando cinematografia, temas, e, por fim, chegamos a um consenso”, disse Leonardo Edde, presidente da comissão, em uma publicação na página oficial da academia no Instagram.

Entre os títulos que concorriam junto à obra de Muritiba para representar o Brasil na luta por uma indicação ao Oscar estavam “A Última Floresta”, de Luiz Bolognesi, e “A Nuvem Rosa”, da diretora Iuli Gerbase.

“É sempre uma escolha difícil”, acrescentou Edde. “Tivemos excelentes filmes inscritos, com uma representação muito diversa de cinematografia brasileira, de diferentes Estados, e todos eles muito engajados.”

Em suas redes sociais, Muritiba comemorou a escolha e contou brevemente como foi o processo criativo da obra em conjunto com o roteirista Henrique dos Santos. “Foram longos 6 anos de trabalho para que o filme enfim nascesse para o mundo”, disse.

O drama “Deserto Particular” conta a história de um policial de Curitiba apaixonado por uma mulher que vive no sertão da Bahia, e que só conhece virtualmente.

O Oscar 2022 está programado para ocorrer no dia 27 de março em Los Angeles, na Califórnia.

tagreuters.com2021binary_LYNXMPEH9E10O-BASEIMAGE