Entretenimento

Britney Spears diz que “chorou por duas semanas” por causa de documentário

Reuters
Reuters
Britney Spears diz que “chorou por duas semanas” por causa de documentário
Britney Spears em Nova York

31 de março de 2021 - 15:36 - Atualizado em 31 de março de 2021 - 15:41

LONDRES (Reuters) – A cantora Britney Spears disse que chorou durante semanas por causa do documentário de televisão que investigou sua meteórica ascensão à fama enquanto adolescente, a perseguição minuciosa da mídia e seu colapso amplamente divulgado.

Em uma publicação no Instagram, a cantora de 39 anos disse que não assistiu “Framing Britney Spears: A Vida de uma Estrela” inteiro.

“Mas, pelo o que eu vi, fiquei constrangida com a posição que me colocaram. Chorei por duas semanas e ainda choro às vezes”, escreveu a cantora no final desta segunda-feira no post, acompanhada por um vídeo dela dançando “Crazy” do Aerosmith.

O documentário, que também retomou a atenção para uma longa batalha judicial da artista com seu pai pelo controle de suas finanças, foi lançado no mês passado.

Britney, que alcançou a fama em 1998 com o sucesso “Baby One More Time”, está tentando substituir seu pai, Jamie Spears, como seu curador.

Ele foi nomeado para a função em 2008, depois que a cantora foi hospitalizada para tratamento psiquiátrico.

Os fãs demonstraram apoio nas redes sociais com as hashtags #WeSorryBritney e #FreeBritney.

“Eu fui exposta durante toda a minha vida, atuando na frente de pessoas. É preciso muita força para CONFIAR no universo com sua verdadeira vulnerabilidade, porque eu sempre fui tão julgada e constrangida pela mídia, e ainda sou até hoje”, escreveu Britney.

(Reportagem de Marie-Louise Gumuchian)

tagreuters.com2021binary_LYNXMPEH2U1LM-BASEIMAGE

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.