Entretenimento

Billie Eilish se diz chocada e pede desculpa por ofensa racial em vídeo antigo

Reuters
Reuters
Billie Eilish se diz chocada e pede desculpa por ofensa racial em vídeo antigo
Cantora Billie Eilish em Londres

22 de junho de 2021 - 12:46 - Atualizado em 22 de junho de 2021 - 12:51

Por Marie-Louise Gumuchian

LONDRES (Reuters) – A cantora Billie Eilish pediu desculpas depois do ressurgimento de um vídeo que parece mostrar a artista norte-americana dizendo uma ofensa racial e imitando sotaques.

Em um comunicado publicado no Instagram, a vencedora de vários prêmios Grammy disse estar “chocada e constrangida” com a gravação, que disse ter sido feita quando ela tinha 13 ou 14 anos, e no qual é vista dizendo a ofensa.

“Estou chocada e constrangida e quero vomitar por ter repetido aquela palavra”, disse Eilish, hoje com 19 anos.

“Esta canção foi a única vez em que ouvi essa palavra, já que nunca foi usada perto de mim por ninguém da minha família. Independentemente de minha ignorância e idade à época, nada desculpa o fato de que foi ofensivo. E peço desculpas por isso”.

Uma compilação em vídeo compartilhada neste mês no TikTok também exibiu outro clipe que a cantora disse mostrá-la falando com uma “voz falsa, tola e falastrona”, algo que ela disse que fazia desde a infância ao se dirigir a “animais de estimação, amigos e familiares”.

“Não é, de jeito nenhum, uma imitação de alguém ou alguma língua, sotaque ou cultura”, disse. “Estou sendo rotulada como algo que não sou”, acrescentou.

“Eu… sempre trabalhei duro para usar minha plataforma para lutar pela inclusão, gentileza, tolerância, equidade e igualdade”.

tagreuters.com2021binary_LYNXNPEH5L0XP-BASEIMAGE

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.