Entretenimento

Adriane Galisteu revela que posou nua por dinheiro: “morava de favor”

Galisteu contou quanto recebeu para posar nua e disse que foi o grande motivo de aceitar o convite.

Lucas
Lucas Sarzi
Adriane Galisteu revela que posou nua por dinheiro: “morava de favor”
Foto: Reprodução.

5 de agosto de 2020 - 19:51 - Atualizado em 5 de agosto de 2020 - 21:05

Ela foi uma das capas da ‘Playboy’ mais famosas, em agosto de 1995. De lá para cá já se passaram 25 anos desde que Adriane Galisteu posou nua e a apresentadora relembrou o feito agora, na live com o canal Clube da VIP, no YouTube, resgatando memórias da época e fazendo revelações.

Na época, a revista de Galisteu foi um recorde de vendas: foram mais de 1 milhão de exemplares vendidos. Adriane Galisteu, que começou a carreira como modelo, ficou conhecida mundialmente como a namorada de Ayrton Senna.

Segundo Galisteu, o convite para posar nua só foi aceito por um único motivo: dinheiro. Ela recebeu, na época, meio milhão de dólares.

Nunca escondi que fiz por dinheiro. Eu vivia de favor na época que surgiu o convite. Eu estava num momento muito difícil, não só pela morte do Ayrton. Não sabia o que ia acontecer comigo”, disse Galisteu.

A modelo e apresentadora tinha um irmão doente em casa, que morreu pouco tempo depois de Aids, e viu na revista a saída para não passar por perrengue. “Não tinha outra saída e decidi fazer. Me apeguei nas mulheres, todas poderosas, que já tinham feito e me deram a chance de escolher a equipe a dedo”.

Apesar de ter topado unicamente por dinheiro, a repercussão da revista na época fez com que Galisteu entendesse aquilo como algo positivo. E de fato foi.

Foi um marco na minha vida pessoal e profissional e me deu estabilidade financeira”, contou Galisteu.

Para preparar a revista, foram dez dias de trabalho na Grécia, ponto escolhido para as fotos. Adriane Galisteu relembra que foram mais de 10 mil cliques para chegar às fotos perfeitas. Destas fotos, foram escolhidas 200 e filtradas.

Uma das fotos mais conhecidas da revista é de Galisteu e, inclusive, foi a única que o fotógrafo Jr Duran não abria mão de que estivesse na revista: a da depilação. “E ele estava certo. Até hoje acho que só vendeu tanto por causa do bafafá criado por essa foto. Virou até matéria do ‘Fantástico’ na época”.