Energia

Projeto Gralha Azul vai recuperar área de Araucária

Biólogos e Engenheiros florestais coletaram e resgataram mais de 1,7 milhões de sementes nativas de 43 diferentes espécies diferentes

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais

19 de janeiro de 2021 - 12:08 - Atualizado em 21 de janeiro de 2021 - 19:25

O Sistema de Transmissão Gralha Azul, que está implantando novas torres de energia elétrica no interior do estado, também tem se preocupado com um símbolo do Paraná: a araucária. Uma parceria inédita com a Embrapa Florestas vai criar um banco genético para resgate de sementes da planta.

A ação faz parte projeto de sustentabilidade promovida pela Engie Brasil Energia, empresa responsável pela implementação do projeto entre Ivaiporã e Ponta Grossa. Já foram plantadas 2,8 mil mudas de araucária, árvore nativa da região.

“Tem uma premissa importante da empresa e do projeto em poder fazer um pouco além do que está previsto na legislação. Já que a gente tem o recurso disponível, a gente tem área para fazer o plantio, a gente mobiliza as equipes e a gente procede desta forma.”

contou Rodrigo Baesso, Engenheiro Florestal

A parceria firmada entre a Embrapa Florestas e a Engie, por meio do Sistema de Transmissão Gralha Azul, vai incentivar o plantio de araucárias, bem como a estruturação de um banco genético para conservação da espécie no estado do Paraná.

“Eu acredito que todas as empresas bem estruturadas, maiores hoje, estão entrando em uma época de gestão socioambiental em seus negócios. A expectativa para essa parceria é ter bons exemplos para que as pessoas possam plantar.”

afirmou Erick Gomes Schaitza, Chefe Geral da Embrapa Florestas

Outro braço da parceria prevê a instalação de um banco de conservação de Araucaria angustifolia, que busca garantir que a variabilidade genética da população natural esteja totalmente representada no plantio.

“A gente está dando mais alimento para a fauna, a gente está dando mais venda, inclusive, para as pessoas que moram aqui ao lado e que colhem esse pinhão. E que fazem a venda do pinhão. Então pra gente, só engrandece a propriedade.”

disse Carlos Ferreira, proprietário de uma reserva da região.

Para abastecer o banco genético que começa a ser estruturado, outra ação foi realizada nas principais áreas das obras do sistema de transmissão Gralha Azul. Biólogos e Engenheiros florestais coletaram e resgataram mais de 1,7 milhões de sementes nativas de 43 diferentes espécies diferentes.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.