Vestibular

UEL reajusta taxa de inscrição do Vestibular 2023 para R$167

O valor é R$27 a mais do que o cobrado em 2022; coordenadora da COPS explica que o reajuste leva em conta os custos de realização do vestibular em duas fases

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais
UEL reajusta taxa de inscrição do Vestibular 2023 para R7
Universidade Estadual de Londrina | Foto: José Fernando Ogura/ANPr

28 de abril de 2022 - 18:55 - Atualizado em 28 de abril de 2022 - 18:55

A Universidade Estadual de Londrina (UEL), no norte do Paraná, aprovou o reajuste da taxa de inscrição do Vestibular 2023 para R$167. Conforme a coordenadora da Coordenadoria de Processos Seletivos (COPS), Sandra Garcia, o valor, R$27 mais caro do que o deste ano (2022), se dá devido aos custos de se fazer um processo em duas etapas, o que não foi feito nos anos de 2020 e 2021.

As inscrições começam no dia 25 de agosto e vão até 10 de outubro. A primeira fase do vestibular acontecerá no dia 5 de março e a segunda nos dias 2, 3 e 4 de abril. O retorno às duas fases foi aprovado pelo Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (CEPE) no dia 19 de abril.

A primeira fase é composta por 60 questões de conhecimentos gerais. Já a segunda é divida em três dias: no primeiro, são feitas as questões de Língua Portuguesa e Literatura em Língua Portuguesa, Língua Estrangeira e Redação; no segundo, é realizada a prova discursiva de conhecimentos específicos e, no terceiro, as provas de habilidades específicas de Arquitetura e Urbanismo, Design Gráfico, Design de Moda e Artes Visuais.

As obras literárias também irão mudar. Os vestibulares de 2023 e 2024 vão trazer sete novos autores. Confira a lista completa clicando aqui.

A primeira convocação do Vestibular 2023 será no dia 2 de maio de 2023. 

Registrou um flagrante? Mande para o WhatsApp do RIC Mais. Clique aqui e faça o portal com a gente!