Economia

S&P 500 e Nasdaq sobem após perdas por inflação; Disney pressiona Dow

Reuters
Reuters
S&P 500 e Nasdaq sobem após perdas por inflação; Disney pressiona Dow
Investidores trabalham no salão da Bolsa de Valores de Nova York

11 de novembro de 2021 - 13:33 - Atualizado em 11 de novembro de 2021 - 13:35

Por Devik Jain e Shreyashi Sanyal

BENGALURU, 11 Nov (Reuters) – Os índices S&P 500 e Nasdaq se recuperavam nesta quinta-feira, após dois dias de vendas provocadas pela inflação, mas perdas da Walt Disney Co pesavam sobre o Dow após desaceleração do crescimento de assinantes de seu serviço de vídeo por streaming.

Um rali recorde dos principais índices de Wall Street chegou ao fim no início desta semana, quando relatórios de inflação sugeriram que o atual aumento dos preços nos EUA levará mais tempo para esfriar em meio a gargalos nas cadeias de abastecimento globais.

Mas Arthur Hogan, estrategista-chefe de mercado da National Securities, disse que os investidores são capazes de enxergar além do curto prazo, pois “simplesmente temos mais demanda do que oferta”.

“Isso provavelmente é bom para o crescimento futuro dos resultados corporativos”, disse ele.

Seis dos 11 principais setores do S&P 500 subiam nesta quinta-feira, com os papéis de consumo não essencial liderando os ganhos.

A Tesla saltava 1,4%, recuperando algum terreno perdido após baque de 12,6% registrado mais cedo nesta semana, mesmo após registros mostrarem que seu presidente-executivo, Elon Musk, vendeu cerca de 5 bilhões de dólares em ações nos últimos dias.

Já a Walt Disney despencava 8,0%, liderando as perdas entre os nomes listados no Dow, uma vez que relatou o menor aumento nas assinaturas do Disney+ desde o lançamento do serviço, registrando ainda lucro decepcionante em sua divisão de parques temáticos.

tagreuters.com2021binary_LYNXMPEHAA116-BASEIMAGE