Economia

Paraná tem anúncios de R$ 5,3 bilhões em investimentos privados

Valores serão injetados na ampliação e construção de novas plantas industriais na região metropolitana de Curitiba e nos Campos Gerais

Paraná tem anúncios de R$ 5,3 bilhões em investimentos privados

3 de julho de 2022 - 10:35 - Atualizado em 3 de julho de 2022 - 11:09

Em apenas 26 horas grandes industrias anunciaram R$ 5,3 bilhões em investimentos no Paraná. Juntas, Renault, Audi, Volvo, PremieRpet e  Aker Solutions vão injetar o valor bilionário na economia do estado. Por trás desses números está o trabalho pesado de atração de investimentos da Agência de Fomento do Paraná e da Invest Paraná, comandada por José Eduardo Bekin.

Indústria automobilística

O maior investimento é da francesa Renault, que anunciou que vai injetar R$ 2 bilhões na unidade de São José dos Pinhais no Paraná, região metropolitana de Curitiba (RMC). A linha de montagem passará a produzir a plataforma CMF-B, que vai dar vida a um SUV híbrido que substituirá o Logan e o Sandero, além disso a empresa deve remodelar a fábrica de motores para tirar do papel um novo modelo 1.0 turbo.

Já a montadora alemã Audi vai investir R$ 100 milhões para reativar a sua planta, que também fica localizada em São José dos Pinhais. A linha de produção vai fabricar o Audi Q3, e sua versão coupé, o Audi Q3 Sportback, que ainda será lançado no Brasil.

A sueca Volvo vai aportar R$ 881 milhões na fábrica da Cidade Industrial de Curitiba, para modernizar a planta e investir em pesquisa e planejamento de novos produtos e serviços.

Mercado Pet

A brasileira PremieRpet inaugurou sua nova fábrica, em Porto Amazonas, região dos Campos Gerais, que custou R$ 1,1 bi. É maior unidade de produção do setor na América Latina, são 92 mil metros quadrados de área construída e capacidade de produção de 660 mil toneladas de alimentos para cães e gatos por ano. Chama atenção a geração de empregos do empreendimento, cerca de 350 diretos e 700 indiretos.

Energia

A norueguesa Aker Solutions, que atua nos setores de construção, engenharia e manutenção de unidades industrial, e no Brasil atende principalmente o mercado de Óleo de Gás, vai colocar R$ 350 milhões na unidade que possui em São José dos Pinhais, RMC.

Bebidas

Além dos investimentos anunciados nas últimas 26 horas, na última terça-feira, 28, a brasileira Ambev, multinacional do ramo de bebidas, anunciou que vai construir em Carambeí, nos Campos Gerais, sua primeira unidade de garrafas sustentáveis no Estado e que deve ser a maior fábrica de vidros do segmento no País.

O investimento é de R$ 870 milhões e deverá gerar 1,5 mil empregos diretos durante a obra e cerca de 400 quando estiver em operação, prevista para 2025.