Economia

A greve dos caminhoneiros pode chegar ao Paraná? Entenda

Na greve de 2018, diversos setores da economia foram afetados pela paralisação dos profissionais.

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais com informações do portal R7 e Jovem Pan Curitiba
A greve dos caminhoneiros pode chegar ao Paraná? Entenda
(Foto: Ilustração / Pixabay)

13 de maio de 2022 - 14:34 - Atualizado em 13 de maio de 2022 - 14:43

Os caminhoneiros voltaram a discutir uma paralisação nacional após reajuste de 8,86% no preço do diesel anunciado na última segunda-feira (9) pela Petrobras. A preocupação agora é saber se a greve atingirá o Paraná.

A discussão foi levantada após viralizar vídeos nas redes sociais de motoristas abastecendo seus tanques. Em uma das imagens o caminhoneiro registra o valor total da bomba de combustível, que ultrapassa R$5.500,00, para armazenar um pouco mais de 600 litros de diesel. O vídeo foi gravado na Bahia, onde o litro é vendido por R$8,24, segundo o caminhoneiro, que não foi identificado.  Assista:

No Paraná, o Sindicato dos Caminhoneiros Autônomos (Sindicam) diz que nenhuma manifestação está prevista no estado. A Jovem Pan conversou com o caminhoneiro Sandro Mocellin, que é membro do sindicato e caminhoneiro há 28 anos. Segundo o trabalhador, o problema da alta do combustível é mundial e a paralisação não deve acontecer. 

O preço do combustível nos postos já acumula alta de 96% nos últimos 4 anos, segundo o departamento intersindical de estatística e estudos socioeconômicos (Dieese). O presidente da Associação Brasileira dos Condutores de Veículos Automotores (Abrava), Wallace Landim, conhecido como Chorão, pretende reunir representantes da classe no próximo domingo, para discutir uma paralisação nacional da categoria.

Na greve de 2018, diversos setores da economia foram afetados pela paralisação dos profissionais.