Cotidiano

Bolsonaro anuncia bandeira verde de energia a todos a partir de abril

Presidente anunciou em sua conta no Twitter que a conta de luz deve reduzir em aproximadamente 20%

Reuters
Reuters
Bolsonaro anuncia bandeira verde de energia a todos a partir de abril
Linhas de alta tensão em Brasília

6 de abril de 2022 - 20:46 - Atualizado em 6 de abril de 2022 - 21:39

SÃO PAULO (Reuters) – O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta quarta-feira (6) que todos os consumidores de energia elétrica terão bandeira verde a partir do dia 16 de abril.

“A conta de luz terá redução de cerca de 20%“, disse Bolsonaro, em sua conta no Twitter.

Segundo ele, não será mais necessário o acionamento da geração térmica adicional no sistema, uma vez que os reservatórios de hidrelétricas se recuperaram.

“Com a redução da geração termelétrica mais cara e o aumento da produção das hidrelétricas e das demais fontes renováveis, os custos serão menores durante o próximo período seco, que vai de maio a novembro, o que se traduzirá em menores tarifas para os consumidores”,

disse ele.

Até o dia 15, a bandeira verde, que não resulta em cobrança adicional na conta, só vale para os consumidores que recebem o benefício da Tarifa Social de Energia Elétrica.

Enquanto para os demais consumidores a bandeira vigente é a Escassez Hídrica, no valor de 14,20 reais a mais a cada 100 kWh consumidos, segundo a reguladora Aneel.

Uma reunião do órgão governamental CMSE aconteceu nesta quarta-feira.

“Com a redução de custos, o governo federal antecipou o fim da bandeira escassez hídrica para 15 de abril. E mais, com a manutenção das atuais condições de chuva, a perspectiva é de bandeira verde até o final do ano”, disse o Ministério de Minas e Energia em nota.

(Por Laís Morais e Nayara Figueiredo)