Banco de imagens pixabay.jpg

“Necessitamos buscar diariamente nos tornarmos melhores que, naturalmente, atrairemos pessoas melhores para nossas vidas, é uma questão de energia e sintonia. Reconhecemos nos amigos todo gesto de carinho, respeito, honestidade, afetividade e dedicação. Fora isso, temos muitos colegas, seja na congregação, na escola, no trabalho, enfim, nos círculos sociais, não confundamos.”

Nunca devemos reclamar dos momentos difíceis que enfrentamos, porque neles reconhecemos o melhor de nós e o pior de algumas pessoas que nos rodeiam. O chinesinho mais famoso do mundo, Confúcio, já dizia: Para conhecermos os amigos é necessário passar pelo sucesso e pela desgraça. No sucesso, verificamos a quantidade e, na desgraça, a qualidade.

Infelizmente, muitas pessoas agem de forma afetiva apenas reativamente, por reciprocidade. Na verdade, afetividade é mais do que isso, é uma ação livre espontânea de carinho e doação ao próximo. Também, afetividade, é não ferir o próximo, é a honestidade, o respeito, a lealdade e saber que o que pode não ser útil para nós, pode ser para outros. Tudo isso pode ser resumido em duas palavras, fraternidade e caridade.

Quando vamos conseguindo resolver nossa vida, eliminando tudo o que for indesejado, que nos causa o mau, nos tornamos melhores e, consequentemente, atraímos para nossas vidas pessoas melhores, é uma questão de energia e sintonia, não tem como ser diferente.

Por fim, sobre a questão da lealdade, precisamos tomar cuidado para não nos tornarmos escravos dela, sejamos leais às pessoas que apreciam os esforços que fazemos por elas, nesse caso, é preciso a reciprocidade das pessoas que, também, precisam nos ser leais, cuidado!

Colunistas

Compartilhe essa opinião:

Deixe seu comentário

Opiniões do colunista