Cinema

Dia do Cinema Brasileiro: Confira 7 filmes nacionais para celebrar a data

O RIC Mais preparou uma lista com filmes nacionais, alguns aclamados pela crítica internacional; prepare a pipoca e aproveite!

Mônica
Mônica Ferreira / Estagiária com supervisão de Giselle Ulbrich
Dia do Cinema Brasileiro: Confira 7 filmes nacionais para celebrar a data
(Foto: Média Provisória)

19 de junho de 2022 - 08:00 - Atualizado em 20 de junho de 2022 - 11:47

Neste domingo (19) é comemorado o Dia do Cinema Brasileiro. A data é uma homenagem a Afonso Segreto, primeiro cinegrafista e diretor do país. Conta-se que ele registrou as primeiras imagens em movimento em território brasileiro, no ano de 1898.

O primeiro registro do italiano Afonso Segreto foi da baía de Guanabara, no Rio de Janeiro. O cinegrafista estava no navio francês Brésil, que saiu de Boudeaux, na França, onde ele tinha feito um curta sobre a operação do cinematógrafo.

Para comemorar este feito, nada mais justo que assistir filmes gravados nos quatro cantos do Brasil, incluindo no Paraná. O RIC Mais preparou uma lista com bons filmes nacionais para maratonar. Prepare a pipoca e confira!

Filmes brasileiros

M-8 – Quando a Morte Socorre a Vida (2019)

O filme, baseado no livro homônimo de Salomão Polakiewicz, foi dirigido pelo cineasta Jeferson De. “M-8 – Quando a Morte Socorre a Vida” conta a história de Maurício, um calouro da Universidade Federal de Medicina. Em sua primeira aula de anatomia, ele conhece M8, o cadáver que servirá de estudo para ele e os colegas de classe. Durante o semestre, Maurício tenta desvendar o mistério sobre a identidade de M-8 e enfrenta suas próprias angústias durante esta busca.

Trailer 

Carandiru (2003)

O filme “Carandiru” é uma adaptação do livro “Estação Carandiru”, de Drauzio Varella. A história é contada através do dia a dia de um médico que atende no presídio de segurança máxima de Carandiru, convivendo com a realidade dos prisioneiros. O filme é narrado do ponto de vista de um profissional de saúde que frequentou a casa de detenção ao longo de 12 anos e testemunhou o massacre de 1992. As histórias de cada personagem compõem um painel ao mesmo tempo cruel, cômico e humano.

Trailer 

Aquarius (2016)

A história, com direção de Kleber Mendonça Filho, se passa em um apartamento localizado na Av. Boa Viagem, em Recife. Neste lugar vive Clara, uma jornalista aposentada, viúva e mãe de três filhos adultos. Uma construtora interessada em fazer um novo prédio no espaço consegue adquirir quase todos os imóveis, menos o dela. A mulher acaba sofrendo todo tipo de assédio e ameaça para que mude de ideia.

Trailer 

Bicho de Sete Cabeças (2000)

Com direção de Laís Bodanzky, o filme conta a história de Neto, um adolescente que gosta de desafiar o perigo e comete pequenas rebeldias, incompreendidas pelos familiares, como pichar muros da cidade com os amigos e fumar maconha. Porém, os pais de Neto levam suas experiências muito a sério e, sentindo que estão perdendo o controle, resolvem trancafiá-lo em um hospital psiquiátrico. Lá, o jovem conhece outra realidade, vive emoções e horrores que nunca imaginou que pudessem existir.

Trailer 

Medida Provisória (2021)

Em uma iniciativa de reparação pelo passado escravocrata, o governo brasileiro decreta uma medida provisória e provoca uma reação imediata no Congresso Nacional. Os parlamentares aprovam um projeto que obriga os cidadãos negros a se mudarem para a África, na intenção de retomarem as suas origens. Esta ação afeta diretamente a vida do casal formado pela médica Capitú e pelo advogado Antônio, além de seu primo, o jornalista André, que mora com eles no mesmo apartamento. O filme é dirigido por Lázaro Ramos.

Trailer 

“Estômago” (2017)

A história é de Raimundo Nonato, um nordestino que se muda para a capital paranaense para tentar uma vida melhor. Dirigido pelo curitibano Marcos Jorge, o longa traz a comida como um dos assuntos do filme. Raimundo é contratado como faxineiro em um bar e descobre que possui um talento nato para a cozinha.

Trailer 

Bacurau (2020)

Um pequeno povoado do sertão brasileiro, chamado Bacurau, descobre que a comunidade não consta mais em qualquer mapa. Aos poucos, eles percebem mudanças na região, como drones passeando pelos céus e estrangeiros chegando na cidade. Quando carros são baleados e cadáveres começam a aparecer, os personagens Teresa, Domingas, Acácio, Plínio, Lunga e outros habitantes chegam à conclusão de que estão sendo atacados, e criam uma estratégia coletiva para identificar o inimigo e se defenderem.

Trailer