Agronegócio

Preços do café na ICE caem mais que 3%; açúcar fecha em alta

Reuters
Reuters
Preços do café na ICE caem mais que 3%; açúcar fecha em alta
Café arábica

27 de outubro de 2021 - 17:38 - Atualizado em 27 de outubro de 2021 - 17:40

NOVA YORK/LONDRES (Reuters) – Os contratos futuros do café arábica e robusta fecharam em queda de mais de 3% na ICE nesta quarta-feira, após fortes ganhos na sessão anterior, quando o robusta atingiu a máxima de quatro anos e meio, enquanto o açúcar bruto fechou em alta.

CAFÉ

* O café robusta para janeiro fechou em queda de 73 dólares, ou 3,2%, a 2.197 dólares a tonelada. O contrato tocou o pico de quatro anos e meio de 2.278 dólares na terça-feira.

* Operadores disseram que o mercado estava encontrando dificuldades para superar a resistência em torno do pico de 2.279 dólares estabelecido em fevereiro de 2017 e pode cair ainda mais no curto prazo.

* O mercado permaneceu sustentado, no entanto, pelas interrupções no fluxo de oferta do principal exportador de robusta, Vietnã, relacionadas à escassez de contêineres.

* O café arábica para dezembro caiu 6,75 centavos de dólar, ou 3,2%, a 2,0135 dólares por libra-peso​.

* Operadores observaram que as chuvas contínuas no Brasil estão melhorando as perspectivas para a safra do próximo ano no maior produtor de café arábica do mundo.

* “Após meses de seca, as chuvas acima da média atestadas recentemente são naturalmente bem-vindas”, disse a trading Comexim em nota.

AÇÚCAR

* O açúcar bruto para março fechou em alta de 0,04 centavo de dólar, ou 0,2%, em 19,70 centavos de dólar por libra-peso, após atingir a máxima de uma semana e meia de 19,86 centavos de dólar anteriormente na sessão.

* O mercado foi apoiado por uma perspectiva reduzida para a produção de açúcar no Centro-Sul do Brasil, com dados divulgados na terça-feira pela Unica, mostrando que a produção na região havia caído mais bruscamente do que o esperado na primeira quinzena de outubro.

* “O impacto cumulativo da seca prolongada e várias geadas estava presente na forma de menor processamento da cana e menor recuperação do açúcar. Mas tanto o processamento quanto a recuperação foram ainda piores do que o esperado”, disse Tobin Gorey, analista do Commonwealth Bank of Australia, em nota.

* O mercado caiu perto do final da sessão, com os futuros do petróleo dos EUA perdendo 2%.

* O açúcar branco para dezembro fechou em alta de 7,20 dólares, ou 1,4%, em 518,50 dólares a tonelada.

(Reportagem de Marcelo Teixeira e Nigel Hunt)

tagreuters.com2021binary_LYNXMPEH9Q1BJ-BASEIMAGE