Agronegócio

Mais de 4 mil frangos morrem por causa do calor e queda de energia em granja do Paraná

Segundo os produtores rurais,  a granja tinha um total de 25,2 mil aves e houve queda de luz entre 12h15 e 16h

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais com informações da Rádio Ampére
Mais de 4 mil frangos morrem por causa do calor e queda de energia em granja do Paraná
4,5 mi frangos morreram por conta do calor e da falta de luz (Foto: Rádio Ampere)

26 de janeiro de 2022 - 15:30 - Atualizado em 26 de janeiro de 2022 - 15:40

Quatro mil e quinhentos frangos morreram em uma granja de Ampére, no sudoeste do Paraná, por conta do calor intenso e das constantes quedas de energia na região, nesta terça-feira (25). Segundo o Sistema Meteorológico Simepar, a cidade registrou máxima de 34ºC, com sensação térmica de 36ºC. As informações foram confirmadas pela Rádio Ampére.

A energia elétrica é importante nas granjas para manter o bombeamento de água até os bebedouros dos animais, e também por manter ligados os ventiladores e nebulizadores que mantêm o ambiente climatizado.

Os produtores rurais entraram em contato com a Companhia Paranaense de Energia (Copel) para registrar a ocorrência. Segundo eles, a granja tinha um total de 25,2 mil aves e houve queda de luz entre 12h15 e 16h.

A Copel confirmou a queda de luz e disse que houve um rompimento de um cabo na chave que atende a unidade consumidora. Porém, a companhia contestou o tempo de interrupção.

Registrou um flagrante? Mande para o WhatsApp do RIC Mais. Clique aqui e faça o portal com a gente!