Agronegócio

Coopercitrus Expo movimenta R$1,6 bi em segundo ano como feira virtual

Reuters
Reuters
Coopercitrus Expo movimenta R,6 bi em segundo ano como feira virtual
Vista aérea de feira agropecuária em Ribeirão Preto (SP)

10 de agosto de 2021 - 18:31 - Atualizado em 10 de agosto de 2021 - 18:35

SÃO PAULO (Reuters) – A Coopercitrus Expo Digital 2021, segunda edição da feira agropecuária da cooperativa de Bebodouro (SP) realizada de modo inteiramente virtual em meio à pandemia de Covid-19, registrou faturamento de 1,606 bilhão de reais em negócios, crescimento de 45% em relação a 2020, informou a entidade nesta terça-feira.

Segundo a Coopercitrus, o evento recebeu mais de 28 mil visitantes entre os dias 19 e 30 de julho e contou com 140 empresas participantes, em movimento que levou todos os setores da cooperativa a um aumento de faturamento.

O campeão de negociações, de acordo com os dados da entidade, foi o segmento de insumos, com cerca de 1,12 bilhão de reais em transações, o equivalente a 70% de todo o volume negociado no evento, considerado o mais importante do ano no calendário da cooperativa.

Na sequência aparecem os setores de máquinas, com negócios de 304,03 milhões de reais; saúde e nutrição animal, com 79,9 milhões de reais; shopping rural, com 51,6 milhões de reais; e diesel entregue nas propriedades, com 50,3 milhões de reais.

A Coopercitrus Expo Digital inovou no ano passado ao, diante das medidas restritivas impostas em função da pandemia, reproduzir a tradicional Feacoop em modelo digital 3D, com a apresentação dos estandes, áreas de convívio e produtos em formato virtual.

Neste ano, pela segunda temporada seguida, isso voltou a acontecer, com nova reprodução da feira em uma plataforma 3D de 360º. Em termos de negócios, disse a Coopercitrus, foram proporcionadas condições especiais e linhas de crédito em parceria com as companhias envolvidas.

“A equipe por trás do evento foi muito importante, tivemos mais de 500 profissionais envolvidos, nosso time técnico e comercial orientou cada produtor de forma personalizada, viabilizando as melhores oportunidades para o nosso cooperado crescer como um todo”, disse o CEO da Coopercitrus, Fernando Degobbi.

O tema do evento em 2021 foi “A Jornada do Agro”, com a apresentação aos visitantes de 12 jornadas pelas principais atividades agropecuárias. O campeão de visitas foi a soja, principal produto de exportação do Brasil, com um total de 6.786 acessos.

Vieram a seguir pecuária (5.077 acessos), café (5.009 acessos) e cana-de-açúcar (4.071 acessos), de acordo com a cooperativa.

“A experiência da Jornada do Agro trouxe para o produtor algo realmente inovador: poder acompanhar conteúdos de sua cultura desde o planejamento de plantio até a colheita, passando pelo manejo detalhando de cada fase”, afirmou Degobbi.

Para as edições futuras do evento, disse a entidade, tudo depende do cenário sanitário. Mas a Coopercitrus considera trabalhar com a feira em formato híbrido, unindo os eventos físico e virtual.

(Por Gabriel Araujo)

tagreuters.com2021binary_LYNXMPEH7910X-BASEIMAGE