Agronegócio

Café robusta ganha quase 2% na ICE; açúcar cai

Reuters
Reuters
Café robusta ganha quase 2% na ICE; açúcar cai
Café em terreiro de Minas Gerais

29 de outubro de 2021 - 18:51 - Atualizado em 29 de outubro de 2021 - 18:55

NOVA YORK/LONDRES (Reuters) – Os contratos futuros do café robusta fecharam em alta nesta sexta-feira, com o mercado se consolidando abaixo da máxima de quatro anos e meio atingida na semana, enquanto os preços do açúcar caíram.

CAFÉ

* O café robusta para janeiro fechou em alta de 37 dólares, ou 1,7%, em 2.214 dólares a tonelada. A referência do segundo contrato atingiu a máxima de quatro anos e meio de 2.278 dólares anteriormente na semana.

* Operadores disseram que o fracasso do mercado em romper a resistência em torno de 2.279 dólares, um pico estabelecido em fevereiro de 2017, causou um revés de curto prazo, mas os fundamentos permaneceram favoráveis ​​com a oferta apertada por uma desaceleração nas exportações do maior produtor de robusta, Vietnã.

* As exportações de café do Vietnã nos primeiros 10 meses deste ano devem mostrar uma queda de 5,1% em relação ao ano anterior, para 1,27 milhão de toneladas.

* O café arábica para dezembro fechou em alta de 4 centavos de dólar, ou 2,0%, em 2,0395 dólares por libra-peso​, uma vez que a incerteza sobre a próxima safra do Brasil continua a sustentar o mercado.

AÇÚCAR

* O açúcar bruto para março caiu ​0,35 centavo de dólar, ou 1,8%, a 19,27 centavos de dólar por libra-peso.

* Operadores disseram que os preços mais altos da gasolina no Brasil ajudaram a apoiar o mercado nesta semana, aumentando potencialmente o volume de cana-de-açúcar usado para produzir etanol em detrimento do adoçante.

* O rali do setor de energia, no entanto, perdeu força no final da semana, puxando os preços do açúcar para baixo, enquanto as chuvas no Brasil continuaram melhorando as perspectivas para a safra do próximo ano.

* “Fundamentalmente, as fortes chuvas no Brasil são positivas para a safra de cana-de-açúcar do país e, em última instância, são baixistas para o preço. Isso explicaria a abertura de novas posições vendidas, bem como o fechamento das posições compradas”, disse em nota a trading de alimentos e provedora de serviços da cadeia de suprimentos Czarnikow.

* O açúcar branco para dezembro caiu 6,50 dólares, ou 1,3%, em 509,10 dólares a tonelada.

(Reportagem de Marcelo Teixeira e Nigel Hunt)

tagreuters.com2021binary_LYNXMPEH9S16T-BASEIMAGE